Bonde - O Maior Portal do Paraná
Terça-feira, 21 de Outubro de 2014. | Bem-vindo usuário! Faça login ou cadastre-se.
31º / 21º Londrina - PR Outras Cidades Google Twitter Whatsapp - (43) 9124-1630 Facebook Youtube - Vídeos
BondeNews
30/10/2010 -- 07h58

Ventos de 100km/h deixam rastro de destruição em Londrina

Marilayde Costa - Redação Bonde
QR:
Add to Flipboard Magazine.

O forte vendaval que caiu em Londrina na madrugada deste sábado (30) provocou a queda de várias árvores sobre casas e redes de energia, deixando vários bairros sem luz. Os ventos chegaram a atingir mais de 100 km por hora e o Corpo de Bombeiros começou a ser acionado pela população a partir das 5h45.

(Se você registrou fotos ou vídeos do vendaval mande para a gente pelo Bonde Repórter)

Renato Ferraz Dias/Folha
Renato Ferraz Dias/Folha


A frente fria que chegou ao País hoje causou forte chuva e rajadas de ventos que atingiram a máxima de 101.9 km/h em Londrina, De acordo com a metereologista Sheila Paz, do Instituto Metereológico do Paraná (Simepar), a rajada mais intensa foi registra às 5h. Em Apucarana, os ventos chegaram a 102,2 km/h, deixando cerca de 20 casas destelhadas. Na Escala de Beaufort, que quantifica a intensidade dos ventos, temporais com ventos entre 89 km/h e 102 km/h são considerados nuito duros que possuem força para arrancar árvores e danificar estruturas de construções.

Renato Ferraz Dias/Folha
Renato Ferraz Dias/Folha


De acordo com o sargento Gomes, do Corpo de Bombeiros, a ventania fez um caminho de derrubada de árvores que teve início na zona sul e seguiu até a zona norte. Vários estragos também foram registrados também no centro da cidade. Um balanço divulgado àa 10h30 pelo Corpo de Bombeiros de Londrina revelou que o temporal destelhou cinco casas e derrubou 60 árvores, sendo que oito caíram sobre casas.

Segundo a Copel, a principal região atingida em Londrina foi novamente a zona sul. Estão sem energia os bairros San Fernando, São Lourenço, Gleba Palhano, entre outros. Na rua Souza Naves, na região central de Londrina, uma única árvore derrubou quatro postes da rede de energia elétrica.

Diogo M Fontolan/BondeRepórter
Diogo M Fontolan/BondeRepórter


"Estamos com as equipes de todos os postos na rua, prestando atendimento à população, até o momento (7h45) não temos o registro de feridos ou de árvores que tenham caído sobre carros em virtude do vendaval. Temos problemas na Via Expressa, nas avenidas Henrique Mansano e Dez de Dezembro. Ainda não temos o total de árvores caídas, mas dá para dizer que é bastante", disse o sargento.

Neste momento uma equipe do Corpo de Bombeiros está a caminho de Tamarana para atender um chamado de incêndio que já atingiu três casas.

Falta de energia

De acordo com a assessoria de imprensa da Copel, o vendaval deixou sem energia milhares de consumidores não só na região de Londrina mas também de Ivaiporã, Apucarana e Cornélio Procópio. Levantamento feito na manhã de hoje apontou o desligamento de 46 alimentadores destas regiões, só na região de Londrina estavam 19 desligados.

Estão com problemas de energia elétrica as cidades de Jardim Alegre, Lunardeli, Cambira, Grande Rios, Apucarana, Londrina, Cambé, Ibiporã e Distritos de Warta e Espírito Santo (Londrina).

Previsão do tempo

"A previsão é de que a instabilidade permaneça durante todo o dia de hoje e no início da noite o tempo comece a melhorar. Amanhã o tempo deve abrir e o sol já deve voltar, mas as temperaturas permanecerão amenas, variando entre 11ºC e 25ºC, adiantou a metereologista Shelia Paz.

Renato Ferraz Dias/Folha
Renato Ferraz Dias/Folha


Diogo M Fontolan/BondeRepórter
Diogo M Fontolan/BondeRepórter

Abaixo, usuários do Facebook que comentaram outras notícias no Bonde
Plugin gerado com dados do Facebook com a App - Última atualização: 20/10/2014 23:42
PUBLICIDADE
BONDENEWS
Você já tem candidato definido para a eleição de governador?
Não
Sim
PUBLICIDADE
 
PUBLICIDADE