Blog do Lucio Flávio - Lucio Flávio
21/07/2014 - 10:46
  RSS  
O Londrina folgou na primeira rodada do grupo 8 da série D e pode observar a movimentação dos seus adversários.

Em Blumenau, com a presença do auxiliar Aléssio, o Metropolitano venceu o Boavista por 3 a 2. O time da casa ficou duas vezes atrás do placar, mas conseguiu a virada.

O Metropolitano, que joga domingo no estádio do Café, sofreu com a desatenção da defesa e teve dificuldades para ganhar de um adversário, que treinou apenas 15 dias antes da estreia.

Thiago Silva, Tozin e Lauro César marcaram para o time catarinense, enquanto Bersan e Juninho marcaram para os catarinenses.

Para um público de 1.635 torcedores, o Metropolitano jogou com Dida, Alessandro (Juninho), Elton, Júnior Fell e Ari. David, Carlos Alberto, Thiago Silva e Geovani (Cícero). Tozin e Lauro César (Aldair). Técnico Abel Ribeiro.

O Boavista, do técnico Luiz Antônio, foi a campo com Dida, Tiago Câmara (Leomir), Leandro, Bruno Costa e Yago (Daniel). Weverton, Cláudio Pagodinho, Thiago Silva e Bersan. Willian Maranhão e Juninho (Jefinho).

O Pelotas sofreu com o fator de não poder jogar em casa. Em virtude disso e também do pouco período de trabalho e a reformulação geral do elenco, o 1 a 1 com o Penapolense, em Gravataí, foi considerado um bom resultado.

João Paulo abriu o placar para o time paulista e Claytinho empatou para os gaúchos. O time do técnico Narciso manteve a base que fez boa campanha no Paulista.

O Pelotas foi a campo com Mateus Cavichiolli, Márcio Gabriel, Pedrão, Tiago Gaspareto e Anderson Luís. Marcos Rogério, Escobar, Claytinho (Willian Leandro), Jonathan (Bruno Renan) e Jeferson Luís. Élber (Soares). Técnico Julinho Camargo.

O Penapolense jogou com Samuel Pires, Luís Gustavo, Odair, Heleno e Rômulo. Fernando, Ferreira, Neto e Guarú (Sérgio Motta). David Dener e João Paulo (Fio).

A primeira rodada mostrou muito equilíbrio, que deve permanecer durante toda a fase de classificação. Muitos times ainda estão na fase de montagem e isso pode ser um diferencial para o Londrina.
18/07/2014 - 18:14
  RSS  
O Londrina mais uma vez foi convidado para participar da Taça Belo Horizonte de Futebol Júnior. A competição vai começar no dia 14 de agosto. Os grupos ainda não foram divulgados.

No ano passado o Lec fez uma boa campanha e foi eliminado na segunda fase ao perder, nos pênaltis, para o Fluminense.
18/07/2014 - 11:06
  RSS  
O Pelotas, adversário do Londrina na primeira fase da série D, não teve o seu estádio liberado pela CBF e terá que mandar o jogo de domingo, contra o Penapolense, em Gravataí, distante a 240 quilômetros.

De acordo com a Confederação Brasileira, o clube gaúcho não apresentou os laudos de segurança, prevenção e combate de incêndio e de vistoria de engenharia, obrigatórios para a liberação do estádio Boca do Lobo.

Com isso, a partida de domingo foi marcada para o estádio Antônio Ramos, em Gravataí, às 15h30. Informações que vêm do Rio Grande do Sul é que a diretoria do Pelotas informou que o clube não tem recursos financeiros para fazer as adequações exigidas no estádio e ameaçou, o que eu não acredito, em até abandonar a competição.

A partida entre Pelotas e Londrina está marcada para o dia 03 de agosto no Rio Grande do Sul.
18/07/2014 - 10:48
  RSS  
O Londrina inicia neste sábado a venda dos ingressos para a estreia na série D, no dia 27, contra o Metropolitano e para o confronto diante do Santos, pela Copa do Brasil, no dia 31, ambos os jogos no estádio do Café.

Para o campeonato brasileiro, na compra antecipada o torcedor vai pagar R$ 20 na arquibancada e R$ 40 no dia do jogo. No setor coberto, as entradas custam R$ 40, antecipado, e R$ 50, no dia.

Para duelo contra o Santos, a arquibancada antecipada custa R$ 40 e no dia da partida, R$ 50. O setor coberto sai por R$ 60 e R$ 70, respectivamente. Para todas as modalidades de ingressos existe o benefício da meia-entrada.

Os ingressos podem ser adquiridos pela internet ou em 12 postos espalhados pela cidade. Acesse aqui.
17/07/2014 - 10:28
  RSS  
O Londrina parece que ainda não se deu conta que foi campeão paranaense. O histórico título depois de 22 anos não tem sido utilizado pelo clube para aumentar suas receitas e estreitar o vínculo com o torcedor/consumidor.

Uma prova disso é que o programa sócio-torcedor, se é que se pode chamar assim, ainda engatinha. Há vários meses, o Lec foi incluído no programa - Movimento por um Futebol Melhor -, que agrega hoje 53 clubes e oferta descontos aos sócios torcedores em centenas de produtos espalhados por mais de mil estabelecimentos pelo país.

Hoje, o programa tem mais de 728 mil torcedores cadastrados e alguns clubes já utilizam muito bem essa opção. O consumidor se torna sócio-torcedor, ganha descontos e o seu clube do coração ganha com isso.

O Londrina ocupa a modestíssima 40ª posição, com apenas 302 torcedores. Após mais de três meses da conquista do título, não vi, sequer uma, campanha institucional do clube incentivando o torcedor e mostrando os benefícios de se tornar sócio-torcedor. Se há algum trabalho de visitas a empresários, comerciantes também desconheço.

O Londrina continua esperando o seu consumidor bater na porta em busca de produtos do clube. O Lec está desperdiçando a chance, talvez única, de transformar a sua apaixonada torcida em consumidora.

E o sócio-torcedor é apenas uma das alternativas para buscar recursos. Existem dezenas de opções...loja oficial, produtos credenciados, museu, material de divulgação, aplicativos, site, tv, rádio....e por aí vai.

O Londrina continua sendo profissional apenas dentro do campo. É uma pena.
17/07/2014 - 10:11
  RSS  
A CBF definiu o trio de arbitragem para a estreia do Londrina na série D do Brasileiro, no dia 27, contra o Metropolitano, no estádio do Café.

Vai apitar o jogo o mineiro Marcos Vinícius de Sá Santos. Os auxiliares são de São Paulo: Marcio Luiz Augusto e Maiza Teles Paiva.
15/07/2014 - 10:52
  RSS  
O técnico Cláudio Tencati recebeu uma boa notícia. O volante Diogo Roque e o lateral-esquerdo Allan Vieira voltaram a treinar com bola, juntamente com o restante do elenco.

Os atletas, que serão titulares na série D, estavam no departamento médico e ficaram de fora dos últimos jogos treinos e do amistoso contra o Grêmio. Na última semana, os atletas já haviam reiniciado os trabalhos físicos.

Agora falta apenas o zagueiro Dirceu. O capitão já se recuperou de uma lesão muscular na coxa, mas ainda não foi liberado para treinar com bola, o que deve acontecer ao longo desta semana.

Os três devem estar à disposição do treinador para o jogo de estreia do Tubarão na série D, no dia 27 de julho, contra o Metropolitano, no estádio do Café.
15/07/2014 - 10:07
  RSS  
A lista dos atletas que mais se valorizaram após a Copa do Mundo foi divulgada neste segunda-feira. Não por acaso não há nenhum jogador da seleção brasileira entre eles.

Confira a lista.
14/07/2014 - 10:03
  RSS  
A CBF, atendendo a pedido do Boavista, mudou o jogo do Londrina válido pela quarta rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série D.

A partida, que inicialmente seria no domingo, dia 10 de agosto, foi antecipada para sábado, dia 09, às 15h, no estádio Eucy Resende, em Saquarema, no estado do Rio de Janeiro.

A mudança é boa para o Londrina, já que o Tubarão terá o confronto contra o Santos, no jogo de volta da Copa do Brasil, na quinta-feira, dia 14, na Vila Belmiro. Assim, o Lec ganha um dia a mais de folga.

A série D começa no próximo fim de semana, mas o Londrina só estreia no dia 27, às 16h, no Café, contra o Metropolitano de Santa Catarina. No dia 3, às 15h, o Londrina joga no estádio Boca do Lobo contra o Pelotas, no Rio Grande do Sul.

Pela Copa do Brasil, o primeiro confronto contra o Santos será no dia 31 de julho, uma quinta-feira, às 21h, no Café.
10/07/2014 - 11:36
  RSS  
O laudo de engenharia do estádio do Café tem prazo de validade até o dia 31 de julho. A renovação é obrigatória para que a praça esportiva esteja liberada. O documento precisa ser assinado por um profissional associado junto ao Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea).

De acordo com Cidimar Aparecido Ernegas, da Fundação de Esportes, a entidade já protocolou junto a prefeitura municipal o pedido de renovação do laudo. Os últimos documentos já foram elaborados por engenheiros do município.

Ernegas acredita que não vai haver nenhum problema e o laudo será renovado até o fim do mês, apesar da concorrência pública para a recuperação estrutural do Café ter dado deserta mais uma vez.

A licitação, orçada em R$ 156.266,09, previa a manutenção das bases das torres de iluminação e das bases do setor coberto. "Este trabalho precisa ser feito, mas não vai inviabilizar a renovação do laudo. É mais um trabalho de manutenção e não há riscos para a segurança", garantiu Ernegas.

A licitação será republicada com uma única diferença. O prazo de execução da obra passará de 60 para 90 dias.

Os demais três laudos do Café têm validade mais longas. O de segurança, expedido pela Polícia Militar, está aprovado, com restrições, até 31 de dezembro. O de prevenção e combate a incêndio, de responsabilidade do Corpo de Bombeiros, vale também até o último dia do ano.

Já o de condições sanitárias e de higiene, expedido pela Vigilância Sanitária, está aprovado até 17 de fevereiro de 2015.
< 1 | 2 | 3 | 4 | 5 >
Lucio Flávio
 
Formado em Comunicação Social-Jornalismo e Administração-Marketing. Repórter Esportivo da Rádio Paiquerê AM desde 1997. Repórter também da Folha de Londrina. Participou de coberturas esportivas nacionais e internacionais como Copa do Mundo, Olimpíadas e Copa América. Twitter: @Luciobortoti



Sites Sugeridos
 
ARQUIVO
Mês
Ano
PUBLICIDADE