Sexta-feira, 24 de Fevereiro de 2017
10/08/2007 09:39
Estaduais

Governo divulga nova tabela salarial dos professores

Reajuste de 6,57% foi concedido, no último dia 31, a professores de ensino superior do Paraná

O Governo do Paraná, por meio da Secretaria de Estado da Administração e da Previdência (Seap), divulgou nesta quinta-feira a nova tabela salarial dos professores do ensino superior, com os valores em vigor depois do reajuste de 6,57% concedido no último dia 31.

Uma outra tabela, também elaborada pela Secretaria da Administração, traz uma comparação entre os vencimentos básicos da categoria, em 2002 (governo anterior), e os vencimentos básicos atuais, corrigidos pelos aumentos aplicados pela atual gestão (além do reajuste deste ano, os professores tiveram aumento em setembro de 2005).

A comparação (vide link no final desta matéria) se refere aos diversos cargos de professor, para regime de trabalho de 40 horas e semanais, e para o regime de dedicação integral (tecnicamente chamado de "tide"). Ela mostra ganhos salariais de 17,3% a 41,3%, apenas nos vencimentos básicos. É fundamental ressaltar que a remuneração do professor vai além do vencimento básico.


Isso porque os vencimentos básicos dos professores têm acrescentados índices referentes à titulação que o docente possui e o adicional por tempo de serviço, a cada cinco anos (o "qüinqüênio"). Os índices referentes à titulação são de 15% para o professor que tem especialização, 45% para aquele que concluiu mestrado e de 75% para o que obteve o doutorado. O qüinqüênio é de 5% a 35%, conforme o tempo de serviço. Assim, um professor com doutorado e contratado por dedicação integral, e com 30 anos de trabalho tem, por exemplo, remuneração (vencimento básico mais benefícios) de R$ 8.182,75.

"Os investimentos do Governo do Paraná no magistério do ensino superior vão além da questão salarial. Fora o último reajuste e o aumento de 2005, promovemos também uma reformulação na carreira. Providenciamos a regularização de cerca de 10 mil cargos, entre docentes e técnicos-administrativos, recuperando todo o histórico do servidor, desde o seu ingresso. A falta dessa regularização estava prejudicando a concessão de aposentadorias, por exemplo. E, ainda, voltamos a realizar concursos públicos", observa a secretária da Administração e da Previdência, Maria Marta Lunardon.

Acompanhe, nos arquivos anexos, as seguintes informações: 1) tabela com os novos vencimentos do magistério do ensino superior, para todas as cargas horárias; 2) tabela com os atuais vencimentos básicos, mais acréscimo por titulação, para a carga horária de 40 horas e para o regime de dedicação integral; 3) tabela comparando os vencimentos básicos de 2002 (gestão anterior) com os atuais, dos professores com carga horária de 40 horas semanais e os de dedicação integral.

> tabela comparativa de vencimentos básicos da categoria 2002-2007
> nova tabela salarial dos professores do ensino superior

Com informações da AEN
Redação Bonde
PUBLICIDADE
comentários
Abaixo, usuários do Facebook que interagiram com as notícias no Bonde
Plugin gerado com dados do Facebook com a App - Última atualização: 24/02/2017 08:15
Continue lendo
Veja mais e a capa do canal
Hospedado pela: