16/12/17
33º/21ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Polêmica

Conheça os 14 atores negros que já ganharam o Oscar nos 87 anos da premiação

A polêmica este ano envolvendo a premiação mais importante e aguardada do cinema mundial é mais uma vez em relação à falta de negros nas indicações. Em 2015, a omissão do ator David Oyelowo e da diretora Ava DuVernay, ambos de "Selma: Uma Luta Pela Igualdade", levou à criação da hashtag #OscarSoWhite (Oscar muito branco) nas redes sociais.

Agora, pelo segundo ano consecutivo, nenhum negro foi indicado pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. Por conta disso, Spike Lee anunciou um boicote ao Oscar. O diretor de "Malcom X" e "Faça a Coisa Certa", ambos sobre conflitos raciais nos Estados Unidos, declarou que não irá ao evento este ano.

"Nós não podemos apoiar isso. Como é possível, pelo segundo ano consecutivo, todos os 20 candidatos nas categorias de atores serem brancos? E não vamos nem entrar em outros ramos. Quarenta atores brancos em dois anos e nenhuma personalidade. Não podemos atuar?", escreveu o cineasta em um texto publicado no Facebook.


O primeiro Oscar foi entregue em 1929, há 87 anos. Desde lá, apenas 14 negros ganharam a estatueta nas categorias de Melhor Ator e Atriz e Melhor Ator e Atriz Coadjuvante. Foi apenas dez anos depois que a primeira negra foi indicada ao prêmio. Confira quem são os 14 atores e atrizes que venceram o preconceito e conseguiram conquistar o prêmio máximo de atuação:

Reprodução
Reprodução

Hattie McDaniel
A atriz foi a primeira negra a ser indicada, em 1940. Ela levou a estatueta pelo papel de Mammy, em "...E o vento levou". McDaniel foi muito criticada durante sua carreira por interpretar papéis de domésticas que, segundo movimentos de direitos civis, perpetuavam estereótipos.

Reprodução
Reprodução

Sidney Poitier
Ele foi o primeiro afro-americano a ser indicado ao Oscar de melhor ator, em 1958, por "Acorrentados", e o primeiro a ganhar a estatueta, cinco anos depois, por "Uma voz nas sombras". Poitier se tornou um dos maiores atores de Hollywood e símbolo do movimento negro nos EUA.

Reprodução
Reprodução


Louis Gossett Jr.

Entre 1963 e 1982, foram apenas sete indicações de atores negros, entre eles James Earl Jones (1970, ator por "A grande esperança branca") e Diana Ross (1972, atriz por "O ocaso de um estrela"). Quase 20 anos depois do último ator negro vencer o Oscar, Louis Gossett Jr. ficou com o prêmio de melhor ator coadjuvante, por seu papel em "A força do destino".

Reprodução
Reprodução


Denzel Washington

O primeiro Oscar de Denzel Washington foi como ator coajuvante, em "Tempo de glória", em 1990. Dois anos antes, ele já havia sido indicado na mesma categoria por "Um grito de liberdade". Em 1993, ele disputou o prêmio de ator principal por "Malcolm X", em 2000 por "Hurricane" e 2013 por "O vôo", vencendo mais um vez por "Dia de treinamento", em 2002.

Reprodução
Reprodução


Whoopi Goldberg

O papel cômico na história romântica de "Ghost, do outro lado da vida" fez sucesso. Whoopi Goldberg era a médium do longa e venceu a premiação em 1991.

Reprodução
Reprodução


Cuba Gooding Jr.

Em 1997, Cuba Gooding Jr. ganhou a estatueta pela sua interpretação do jogador de futebol americano Rod Tidwell, em "Jerry Maguire", outro papel divertido.

Reprodução
Reprodução


Halle Berry

Ela se tornou a primeira, e até hoje única, a ganhar um Oscar como melhor atriz no mesmo ano em que Denzel Washington levou sua segunda estatueta, por "Dia de treinamento". A atriz levou o prêmio por sua atuação em "Monster's Ball". Essa também foi a única vez em que os dois vencedores dos principais prêmios de atuação foram negros.

Reprodução
Reprodução


Morgan Freeman

Depois da dobradinha em 2002, atores negros só voltariam a ser premiados em 2004, quando Morgan Freeman venceu como ator coadjuvante por "Menina de ouro".

Reprodução
Reprodução


Jamie Foxx

Ele foi eternizado por viver o músico Ray Charles na cinebiografia "Ray", de Taylor Hackford, levando o Oscar de melhor ator em 2005.

Reprodução
Reprodução


Forest Whitaker

O ator ganhou a estatueta em 2007 por "O último rei da Escócia", em que interpretava Idi Amin, ex-presidente de Uganda.

Reprodução
Reprodução


Jennifer Hudson

Hudson venceu como atriz coadjuvante no musical "Dreamgirls", também em 2007, onde interpretava Effie White.

Reprodução
Reprodução


Mo'Nique

Entre 2007 e 2009, atrizes como Viola Davis, Ruby Dee eTaraji P. Henson foram indicadas, mas foi apenas em 2010 que Mo'Nique venceu o Oscar de melhor atriz coadjuvante por sua interpretação aclamada em "Preciosa: Uma história de esperança".

Reprodução
Reprodução


Octavia Spencer

Depois de Mo'Nique, Octavia venceu em 2012 por "Histórias cruzadas", onde viveu Minny Jackson.

Reprodução
Reprodução


Lupita Nyong'o

A atriz negra mais recente a levar a estatueta para casa foi Lupita, premiada em 2014, por sua personagem Patsey, em "12 anos de escravidão". Ela venceu mais sete prêmios naquele ano.

Reprodução
Reprodução


Steve McQueen

O longa "12 anos de escravidão" levou mais duas estatuetas além da de melhor atriz coadjuvante. O diretor do filme, Steve McQueen, foi o primeiro negro a dirigir uma produção que venceu o principal prêmio do cinema mundial, o Oscar de Melhor Filme. Além desses prêmios, a obra baseada nas memórias de Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor) ganhou como melhor roteiro adaptado. (Com informações do O Globo)
Redação Bonde
PUBLICIDADE
comentários
Continue lendo
Veja mais e a capa do canal
PUBLICIDADE
3
Continue Lendo
PUBLICIDADE