06/05/21
PUBLICIDADE
Vale a pena?

HB20 2022 chega com novos itens de segurança

Folhapress
Folhapress


A Hyundai se iguala às rivais, oferecendo airbags laterais de série para o HB20 2022. O equipamento de segurança já existe em modelos como Chevrolet Onix, Volkswagen Polo e Renault Sandero.


O compacto também recebeu controles de tração e de estabilidade. Os itens serão obrigatórios a partir de 2022.

A versão Sense custa R$ 57.890 e é a mais barata da linha.
Parece muito, mas nessa faixa de preço só é possível levar modelos defasados, como o Fiat Uno (R$ 54.375), o Volkswagen Fox (R$ 58.190) e o Chevrolet Onix Joy, com a carroceria antiga, que custa R$ 58.580.

Modelos mais modernos valem, no mínimo, R$ 10 mil a mais. Se a escolha for pelo Hyundai, ao menos, vai levar um carro com o visual atualizado, o da segunda geração lançada em setembro de 2019.

Nessa mudança o hatch recebeu grade mais larga e faróis mais estreitos. As laterais ganharam novos desenhos na lateria e a traseira recebeu novas lanternas.

A base do carro, no entanto, é basicamente a mesma da primeira geração lançada em 2012 com um ou outro ajuste pontual.
Não que isso seja ruim. O motor 1.0 de três cilindros e 80 cv de potência dá conta do recado para a versão Sense em um uso prioritariamente urbano. O carro é leve e isso ajuda.

A posição de dirigir agrada e o câmbio manual de cinco marchas com engates curtos também. Um dos ajustes foi feito na suspensão, que ficou mais firme do que no antigo. Serviu para aumentar a sensação de estabilidade, mas não chegou a afetar o conforto.

A economia é outro ponto forte do compacto, com média de 9 km/l com etanol na cidade. Na estrada essa média subiu para cerca de 12 km/l no teste do Agora.

O acabamento é bem simples, mas se comparado com os outros modelos citados da mesma faixa de preço, não faz feio. Há plásticos duros por toda a parte, mas os comandos de rádio no volante dão um ar mais moderno. O revestimento dos bancos em tecido é adequado ao preço.

Por falar em rádio, é bom esquecer central multimídia no HB20 mais barato. No lugar dela vai um som apenas com rádio e conexão Bluetooth. Também há porta USB para quem ainda usa pendrives com música.

Se a ideia for comprar uma tela à parte, o painel não foi feito para isso. Aí é melhor pensar na versão Vision, de R$ 61.890, que já vem com a central original com sistemas como AndroidAuto e Apple CarPlay. Mesmo assim, o preço continua vantajoso.

Voltando ao Sense, ele vem com ar-condicionado, direção com assistência elétrica, vidros dianteiros elétricos e é isso. A trava é elétrica, mas sem controle remoto. O motorista vai ter que usar a chave no tambor da porta como se fazia nos tempos do Excel, carro que a Hyundai vendia no Brasil nos anos 1990.
Fernando Pedroso/Folhapress
Continue lendo
Reestilizado

Jeep Compass 2022 é oficialmente lançado no Brasil, mas spoilers eram divulgados pela marca

06 MAI 2021 às 08h40
Chineses evoluíram

Conheça os modelos JAC T60, Ford Territory e Chery Tiggo 8, que marcam novo perfil automotivo

06 MAI 2021 às 07h15
Componente importante

Saiba como prevenir danos no sistema de arrefecimento automotivo

05 MAI 2021 às 08h50
Renavam avalia

Apesar da falta de peças, vendas de veículos se mantém estáveis em abril

04 MAI 2021 às 08h20
Cansou da gasolina?

Carro elétrico da Renault ganha bateria de 52 kWh

28 ABR 2021 às 10h52
Tire suas dúvidas!

O que é preciso para ser motorista de aplicativo?

27 ABR 2021 às 16h02
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados