23/10/20
PUBLICIDADE
Lucio Flávio
Lucio Flávio
03/06/2020 - 14:30
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Ibope Repucom divulgou nesta terça-feira (3) a atualização do ranking digital dos clubes brasileiros. A pesquisa é feita mensalmente e leva em conta os números das equipes em diversas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram e Youtube. A partir desta última edição passou a contabilizar também os inscritos no TikTok.



O ranking monitora os 20 clubes da série A e mais 30 que apresentam as maiores bases digitais do país. No ranking de junho, o Londrina é o 50º colocado.
O Tubarão tem um total de mais de 225 mil inscritos/seguidores nas suas redes sociais.

O Facebook é o que tem a maior base de inscritos - mais de 103 mil -, seguido do Instagram - 68 mil - Twitter - 46 mil - e Youtube - 7,8 mil. Até o fim do ano passado, o Ibope Repucom fazia a pesquisa levando em conta os 45 clubes com mais seguidores e o Londrina nunca entrou no ranking.

A partir de 2020, a base do ranking subiu para 50 clubes e com isso o LEC começou a aparecer. Em janeiro era o 48º e entre fevereiro e maio foi o 49º. Neste mês, foi ultrapassado pelo Guarani e caiu uma posição.
26/05/2020 - 14:35
Imprimir Comunicar erro mais opções
Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube
Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube


A Secretaria Estadual de Saúde do Paraná liberou a volta dos treinos dos clubes do Estado. No entanto, é necessário seguir os protocolos de segurança, higienização e distanciamento. Por isso, não é uma missão tão simples, sobretudo para os clubes menores. Falamos sobre esta realidade no vídeo abaixo.

25/05/2020 - 17:20
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina não pretende voltar tão cedo aos treinamentos presenciais. A decisão do Alviceleste em retomar as atividades no CT da SM Sports só deve acontecer após a definição do calendário do restante da temporada.

"Não vou colocar em risco os profissionais para daqui a pouco jogar apenas duas partidas no Paranaense. Vamos definir a volta aos treinos apenas quando tiver a definição do calendário do Campeonato Brasileiro", afirmou o gestor Sérgio Malucelli.

Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube
Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube


A Secretaria de Estado da Saúde autorizou nesta segunda-feira (25) o retorno dos treinos presenciais no Paraná, desde que sejam seguidos protocolos de segurança e higienização. A autorização veio após um pedido da Federação Paranaense. O Coritiba retomou as atividades em campo nesta segunda e é, por enquanto, o único time do Estado a voltar aos treinos.

A liberação é para os oitos clubes que estão classificados para a segunda fase do Paranaense, para os times do Estados com vagas em competições nacionais, sejam masculinos ou femininos.

O LEC segue com os treinos on-line e com todos os jogadores e profissionais em casa. "Nós temos uma dificuldade muito grande que é a questão de 80% dos nossos jogadores morarem no CT. O CT não pode ter todas as instalações reabertas, como a cozinha e o restaurante, por exemplo. Como vamos fazer?", questionou Malucelli.

"Outro detalhe. Para viajarmos para Curitiba para enfrentar o Athletico temos que ir em dois ônibus, em razão do distanciamento. No hotel, cada jogador tem que ficar sozinho no quarto. É um prejuízo enorme para terminar o Paranaense", apontou.

A FPF entende que 20 dias de treinos são suficientes para os clubes se prepararem para a fase final do Paranaense e, por isso, estuda a volta do Estadual para a segunda quinzena de junho. No entanto, a autorização da Secretaria Estadual é apenas para treinos em pequenos grupos e distanciamento entre os atletas. Jogos, sejam amistosos ou oficiais, não estão liberados ainda.
13/05/2020 - 16:11
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina desativou as suas equipes de base e liberou todos os profissionais da comissão técnica dos times sub-17 e sub-19, em razão da paralisação do futebol por causa da pandemia do coronavírus. Assim como o time profissional, os atletas das categorias menores estão liberados desde o dia 16 de março.

"Já há um consenso na Federação Paranaense de que não haverá nenhuma competição de base este ano. Então, nos antecipamos e liberamos os funcionários até porque necessitamos reduzir custos", afirmou o gestor Sérgio Malucelli. O time sub-19 do LEC era comandado pelo ex-lateral Cassiano, enquanto a equipe sub-17 era dirigida pelo ex-zagueiro Márcio Santos.

Jefferson Bachega/Londrina Esporte Clube
Jefferson Bachega/Londrina Esporte Clube


Em busca de reduzir os custos, a SM Sports desligou três profissionais do departamento de futebol nos últimos dias - dois fisioterapeutas e um auxiliar de preparação física - e acertou com os jogadores profissionais, comissão técnica e funcionários do CT a redução salarial de 25%.

Como não há previsão da volta das competições, o clube também não renovou o contrato de 12 jogadores, que tiveram os seus acordos vencidos no dia 30 de abril.
04/05/2020 - 18:03
Imprimir Comunicar erro mais opções
O Londrina iniciou nesta segunda-feira (4) reuniões virtuais com os jogadores. O planejamento do clube é seguir com estes encontros diários para acompanhar o desempenho físico e técnico dos atletas até que seja possível voltar aos treinos presenciais.

Oficialmente o clube está em férias. Inicialmente o período seria encerrado no dia 1º, mas o LEC decidiu estender a liberação dos profissionais até o próximo dia 12. A diretoria já tem consciência que não será possível voltar aos treinos normais na semana que vem, por isso os encontros on-line são importantes para manter o contato com os atletas.

Divulgação/LEC
Divulgação/LEC


Enquanto o LEC ainda não retomou oficialmente os treinamentos, alguns dos rivais paranaenses como Athletico, Coritiba, Paraná e Operário já retornaram das férias, mas seguem fazendo trabalhos virtuais com os jogadores, que seguem isolados em casa. Não há previsão de quando será possível voltar as atividades nos CTs e nas dependências dos clubes.



O Campeonato Paranaense segue paralisado desde o dia 16 de março e, apesar dos esforços da Federação Paranaense, não há perspectiva de que a competição possa ser retomada nas próximas semanas.
Lucio Flávio
 
Formado em Comunicação Social/Jornalismo. Repórter da Rádio Paiquerê AM desde 1997 e da Folha de Londrina desde 2012. Participa de coberturas esportivas nacionais e internacionais



Sites Sugeridos
 
ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
PUBLICIDADE
 
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados