26/01/20
32º/19ºLONDRINA
Bondigital
Bondigital
22/01/2020 - 11:50
Imprimir Comunicar erro mais opções
Recentemente eu postei aqui um conteúdo dando dicas sobre como ganhar dinheiro com seu site ou Blog, se vc não viu confira clicando aqui. Agora para você que está procurando ganhar dinheiro usando a internet ou celular porque está desempregado ou querendo complementar sua renda atual fazendo um extra confira este post.

Quando você vai no Google, Yahoo, Bing ou qualquer outro buscador e digita: como ganhar dinheiro na Internet” você será surpreendido com "N” resultados te apresentando "N” excelentes soluções” e algumas até milagrosas. Bom, não quero te desanimar, mas uma coisa você precisa saber: Não tem fórmula mágica, pozinho do piripimpim, gênio da Lâmpada, entendeu?



Existe sim muitas oportunidades na internet para se ganhar dinheiro, hoje em dia não é difícil navegar nas redes sociais e encontrar pessoas que são ou querem ser "Influencers” ou ter um canal no youtube e bombar na internet.

Minha dica de hoje é para você que quer entrar neste ramo ou para você que já está neste mercado mas ainda patinando para ganhar mais é: ESTUDE MUIIIIIIITO todos os dias para qualquer coisa que você queira fazer e se torne um especialista nisto. A internet é muito dinâmica e o que você apreendeu a seis meses atrás pode não servir mais nos dias de hoje.



Aplique o famoso P.D.C.A. em você mesmo:
Se Planeje e defina qual segmento você vai atuar;
Faça acontecer estudando em diversos portais de cursos gratuitos ou não para ser um especialista;
Avalie seu conhecimento fazendo grátis para alguns clientes e compare os resultados antes de depois;
Agora sim chegou a hora de agir, observe detalhadamente cada etapa realizada e se identificar alguma falha refaça todo o processo, se estiver ok é hora de colocar em prática e iniciar as ações para aumentar sua audiência ou seguidores ou prospectar novos clientes pois você já terá alguns resultados para apresentar como prova real).



Vou listar aqui algumas plataformas onde você pode apreender gratuitamente:

Quer gerenciar campanhas em redes sociais, acesse a academia do Facebook: Facebook Blueprint e faça seu cadastro e aprenda.

Quer gerenciar campanhas de Google Ads, Google Shopping, começar a criar conteúdo no Youtube, vender anúncios no Waze, Google Ad Manager, ficar especialista em Google Analytics, Google Admob, Google Marketing plataforma, então conheça a Skillshop, a plataforma para todos os tipos de alunos é a nova plataforma de aprendizado Skillshop (antiga Academy for Ads).

Pensando em trabalhar com Marketing Multinível Afiliado ou produtor? Então você precisa acessar a Hotmart Academy

Quer ganhar dinheiro indicando ou recomendando? Tem muitas opções no mercado, portanto entenda muito bem o que é o produto ou serviço que você irá indicar, para quem se destina, quais são seus concorrentes e quais dores este produto ou serviço atende para não se queimar com seus amigos e/ou clientes.



Quer ganhar dinheiro com aplicações na internet? Criptomoedas como Bitcoin, Ethereum, Neo, Rippo entre outras, muito cuidado e só faça esse tipo de investimento se o valor investido não for te fazer falta pelos próximos 12 meses.
Inclusive saiu hoje no Jornal Folha de Londrina uma matéria falando sobre o risco neste tipo de investimento. O estudo apontado pela Jornalista Simoni Saris diz que 11% dos internautas caíram em golpes de investimentos, confira a matéria na integra clicando aqui.

Quer ganhar dinheiro com sua expertise em arte finalista, webdesigner, programador, se você é bom em Corel, Photoshop, InDesing ou qualquer outro programa que você domine, então se cadastre em uma plataforma de freelancers, como a Workana e apareça diariamente para milhares de potenciais clientes.

Mais uma vez lembrando: Não existe fórmula mágica, lembre-se de estudar muito para dominar o conhecimento sobre o que vai te gerar muita grana.

Abraços,
Marcos Antonio
08/01/2020 - 08:52
Imprimir Comunicar erro mais opções
Para você que tem um site ou Blog, saiba que é possível ganhar um "dindin" fazendo o que você gosta que é postar conteúdo. Para isso vou te apresentar algumas formas e o que você precisa saber e fazer para monetizar seu site e ganhar dinheiro de verdade.

Tenha em mente que nem tudo são flores, mas o principal você já está fazendo que é produzir conteúdos para segmentos específicos. Você terá que fazer um esforço extra mas que será muito bem recompensado, agora chega de blá blá blá e vamos ao que interessa.



A primeira forma de monetizar seu site ou blog é através de patrocínio, cada postagem pode ser patrocinada por uma empresa ou você pode negociar um patrocinador por semana ou um patrocinador por mês. Seu conteúdo não pode ser influenciado pelo patrocinador, pois a marca dele aparecerá como um apoiador do site ou Blog.

Para isso, você precisa montar uma proposta comercial apresentando seu site ou Blog, qual seu público ou segmento de atuação, frequência das postagens e incluir um Mídia Kit com algumas informações adicionais como:

* Quantidade de visualizações de página do seu site ou Blog
* Número de usuários
* Público Masculino e Feminino
* Faixa etária
* Classe Social
* Números das redes sociais

Com esse Mídia Kit em mãos, você irá prospectar as empresas correlacionadas ao seu segmento de atuação e mostrar sua influencia com seus leitores. Tendo um bom conteúdo e uma audiência engajada certamente você fechará alguns contratos de patrocínio.

A segunda forma de monetizar seu site ou blog é fazendo "merchandising". Isso mesmo, fale ou escreva dos produtos ou serviços dos seus fornecedores de forma sutil em suas postagens para sua audiência e fature com isto.
Você pode fazer parceria com alguma empresa da sua cidade e negociar uma comissão para cada venda realizada, disponibilize um meio de contato com sua audiência e faça as vendas.



A terceira forma de monetizar seu site ou blog é vendendo seu conhecimento, para isso você precisa ser um especialista no seu segmento e precisará convencer seus usuários para:

> Comprar seu conteúdo através de e-book
> Fazer um curso contigo e pagar mensalmente
> Contratar uma consultoria contigo
> Escrever para sites terceiros (freelancer)

Para monetizar destas formas, você precisa entender um pouco mais sobre as estratégias de Funil para atrair e converter, assunto para outro post.

A quarta forma de monetizar seu site ou blog é através de Marketing de afiliados, para isso você inclui link de quem você se afiliou (ex. Hotmart.com) e ganha as comissões quando seus usuários clicarem nestes links e comprarem os produtos ou serviços indicados pelo seu site.


A quinta forma de monetizar seu site ou blog é vender espaço do seu site para anúncios de propaganda (venda direta). Neste caso você prospecta empresas correlacionadas ao conteúdo que você está escrevendo e oferece um espaço para a empresa colocar uma propaganda lá por um determinado período de tempo ou definitivo.



A sexta forma de monetizar seu site ou blog é através de mídia programática, que são aqueles banners ou vídeos que aparecem no site de forma automática, mas para você conseguir monetizar desta forma você precisa ter uma boa audiência (visualizações de páginas) e muitos usuários, pois a receita que você irá ganhar é por CPM (custo por mil), quer dizer que a cada mil vezes que aparecer um banner ou vídeo no seu site você irá ganhar um valor que inicia em centavos de real.

A variação do valor está atrelado a alguns fatores como:
> O tempo de exposição do banner para o usuário
> A posição do banner no site (também conhecido por view hability)
> Se é banner ou vídeo
> Qual rede está imprimindo o banner ou vídeo

Existe uma rede de empresas de mídia programática geradoras de receita além do Google, o problema é que a maioria destas redes de empresas que facilitam a venda entre seu site e o anunciante (Adnetworks) é que não aceitam sites com menos de 1 milhão de visualizações de páginas mensais.

Para se ter uma ideia de receita, com 1 milhão de visualizações de páginas no seu site, você poderá fazer de R$ 800,00 até uns R$ 4.000,00 ou um pouco mais.

Existem ainda outras formas de rentabilizar seu Site ou blog como promover um virtual summit, fazer podcast, Publieditorial entre outros, mas minha dica é a seguinte:

Veja qual destas dicas faz mais sentido para seu negócio, em seguida crie um plano de ação.
Aproveite para se aperfeiçoar e começar 2020 com tudo. Se você conseguir aplicar alguma destas dicas acima tenho certeza que já começará a ganhar uma boa grana.


Abs,
Marcos Antonio
18/12/2019 - 15:40
Imprimir Comunicar erro mais opções
Na semana passada eu falei um pouco sobre o Inbound Marketing, se você não leu ou não sabe o que é, confere clicando aqui. Esta semana vou te explicar o que é esse tal de Outbound Marketing e espero poder te ajudar a pensar na forma como você está trabalhando suas campanhas de marketing inclusive nos meios digitais.

O Outbound Marketing é a forma tradicional de marketing e mais ampla de prospectar ativamente potenciais clientes e para isso é utilizado todos os meios possíveis e viáveis online e offline para impactá-lo com a publicidade.



O Outbound Marketing também é definido como Marketing de Interrupção, pois ele interrompe a atenção do usuário para impactá-lo com uma propaganda. Neste post aqui por exemplo você será impactado por alguma propaganda também.

Veja esses exemplos:
Os programas de TV são modulares e entre um bloco e outro tem o famoso comercial (espaço reservado para publicidade); Mas as inovações não param certo?
Você está assistindo um jogo de futebol na TV e de repente a tela fica menor e ao lado aparece uma propaganda na lateral e depois de alguns segundos volta para o jogo na tela cheia;
Os programas de rádios também são modulares e entre um bloco e outro tem comercial (espaço reservado para publicidade);
Você está dirigindo e olha para o lado e lá está um Outdoor;
Você está dirigindo e para no semáforo e vem alguém te entregando um panfleto;
De repente toca seu telefone e alguém querendo te vender algo;
Você está lendo um jornal ou revista e no meio da matéria tem uma publicidade;

Entendeu porque é conhecido como Marketing de interrupção? Acredito que agora você entendeu sim, pois somos impactados diariamente por este tipo de publicidade o tempo todo.

Com a transformação digital, o Outbound Marketing ganhou ainda mais força, pois através de campanhas patrocinadas é possível segmentar com maior precisão o público alvo desejado, você já deve ter ouvido falar sobre Google AdWords ou Facebook ads certo?



Eu entendo que o Outbound Marketing é uma estratégia de marketing muito importante para todo o ciclo do funil de vendas ou seja, o objetivo é impactar o maior número possível de potenciais consumidores (publico alvo), segmentados pelo meio (TV, Rádio, Jornal ou internet) que está divulgando a publicidade com as pesquisas de mercado ou informações coletadas de qualquer um que navegue na internet e por isso, quando ela é bem trabalhada suas estratégias bem definidas para otimizar as ações, ela complementa qualquer estratégia de Marketing para gerar mais vendas mais rápido.

Em um dos livros que comprei durante meu MBA em Gestão Estratégica na UFPR, (Administração e Marketing de Kotler, Philip e Keller, Kevin Lane) diz que a decisão de uma empresa sobre a mídia e avaliação de sua eficácia se dá através da Cobertura, frequência e o impacto.
Cobertura: É o número de pessoas ou famílias diferentes que serão expostas a determinada publicidade pelo menos uma vez.
Frequência: É o número médio de vezes durante um determinado período em que uma pessoa ou familia é exposta a mensagem da publicidade.
Impacto: O valor qualitativo de uma exposição em um determinado meio que será veiculado a publicidade.


Portanto, independente do valor do seu investimento, diversifique e crie estratégias Online e Offline para conseguir aquele precioso tempo de atenção do seu cliente e convertê-lo em cliente de fato.


Abs,
Marcos Antonio
12/12/2019 - 12:55
Imprimir Comunicar erro mais opções
Se você já ouviu falar sobre isso algum dia e não entendeu muito bem o que é, fique tranquilo que após ler este post você vai entender facilmente. Mas antes de te dizer o que é vou te dizer como surgiu este termo que se popularizou em 2009 após o lançamento do livro "Inbound Marketing .

A Origem do Inbound Marketing (segundo o Wikpedia) é que "o termo ganhou destaque após ser utilizado por Brian Halligan, cofundador da Hubspot, porém é importante ressaltar que o mestre Peter Druker, renomado profissional de marketing, reforça que Seth Godin em seu livro Permission Marketing, 1999 (Marketing de Permissão) já disseminava a importância deste tipo de abordagem”.



Então o que é Inbound Marketing?
Também conhecido por Marketing de atração, trata-se de uma técnica do Marketing para atrair possíveis clientes nos meios digitais e torná-los clientes de fato, para isso é utilizado Marketing focado em conteúdo para distribuir conteúdo relevante para atrair seu público alvo em sites, Blogs, redes sociais, portais de notícias, podcast e vídeos.

As etapas do Inbound Marketing são:
Atrair - Despertar o interesse e desejo do potencial comprador.
Converter visitantes em Leads - Trabalhar os dados deixados pelo usuário (nome, e-mail, fone) que que se beneficiou do seu conteúdo.
Transformar Leads em compradores - É criar ou despertar o desejo de compra do usuário que está se relacionando com sua marca, produto ou serviço através do seu conteúdo.
Fidelizar clientes - Estreitar o relacionamento com quem acabou de comprar de você através de um excelente pós vendas e mais conteúdo baseado no interesse de cada cliente, porque afinal de contas, você já sabe do que seu cliente gosta.

O cliente se interessa por você ou sua empresa (produtos ou serviços) devido a relevância do conteúdo que foi transmitido de forma gratuita, com isto você começa a transmitir autoridade para as pessoas que engajaram com seu conteúdo.



O objetivo do Inbound Marketing é facilitar a aproximação da empresa com seu principal cliente, aumentar a interação e criar um relacionamento duradouro, pois com essa estratégia você irá gerar mais engajamento com seu cliente e se relacionar com ele por mais tempo, já que o meio digital facilita a comunicação aberta permitindo maior interação do cliente com sua marca.

Desta forma você terá muitas vantagens ao passar a utilizar esta poderosa técnica, pois reduz os custos com o ciclo de vendas, transmite mais confiança para quem está comprando e sai da acirrada briga por preço na internet, fazendo com que as vendas sejam mais assertivas e tudo isso junto reduz o seu custo de aquisição de cliente (CAC).

Só lembrando que para você ter bons resultados usando o Inbound Marketing, seu site, Loja virtual ou Blog precisa passar uma boa experiência de navegação para o usuário que estará acessando via celular, então seu site precisa carregar rápido, responsivo ou AMP e sua página de checkout tem que ter certificados de segurança. Com tudo isso em dia você poderá acelerar os resultados impulsionando os conteúdos gerados para maximizar o alcance do seu público em potencial (Topo do Funil).

Existem diversas técnicas para produção de conteúdos conforme o objetivo e estratégias de cada empresa, se você está pensando em iniciar sua estratégia, recomendo fazer um contato aqui com o Grupo Folha, pois afinal produzir conteúdo é o nosso negócio e o Grupo Folha tem uma agencia do produção de conteúdo que pode te ajudar tanto com a produção quanto com a veiculação do conteúdo.

abs,
Marcos
02/12/2019 - 09:33
Imprimir Comunicar erro mais opções
Acredito que esse é uma grande dificuldade para muitos pequenos empresários e/ou micro empreendedores que precisam divulgar seu negócio na internet é a falta de conhecimento e tempo, por isso acabam contratando alguma agência de Marketing digital para fazer esse trabalho. Para os que querem tentar fazer por conta própria e ainda gratuitamente continue lendo aqui.

Porque neste post vou te ensinar como fazer isso de forma bem simples, basta seguir o passo a passo e tenho certeza que seu negócio está no mapa do Google em breve. Existe duas formas de fazer isso:

A primeira é apenas mais simples, quando você faz qualquer busca no Google, aparece uma listagem normalmente assim:
Os quatro primeiros resultados são links patrocinados (quando houver), eles são identificados como anúncio. Por enquanto a regra do Google é para exibir no máximo 4 anúncios patrocinados no topo por cada busca realizada.

Veja neste exemplo que busquei por concessionária em Londrina e para esta busca o Google me apresentou estes resultados.



Logo abaixo dos anúncios patrocinados, aparece o mapa do Google apontando algumas empresas e abaixo uma listagem com no máximo de três empresas e um menu dizendo "mais lugares”. Veja que incrível, é aqui que sua empresa irá aparecer depois que você fizer esse passo a passo.



Esses três que aparecem como resultado da busca inicial é conforme sua geolocalização e configuração inicial de classificação e horário, conforme aparece acima.

Ao clicar em mais lugares, o Google abre uma nova página com uma barra de menu na esquerda e o mapa a direita. Descendo o menu até o final você vai encontrar a opção: "ADICIONE UM LUGAR AUSENTE"



Você já está quase terminando, depois de clicar sobre a frase "ADICIONE UM LUGAR AUSENTE”, preencha as três informações seguintes e clique em enviar.



Pronto, o Google vai checar as informações enviadas e em até 30 dias seu local estará publicado e sua empresa aparecerá no Google Maps. Agora que sua empresa está publicada no Google Maps, você precisará gerenciar os comentários e avaliações e incluir mais fotos da empresa que você acabou de cadastrar, para isso você precisará seguir a segunda forma de publicar, logo abaixo.

A Segunda forma de publicar seu negócio no mapa do Google é através do Google meu negócio, para isso você precisa ter um e-mail do G-mail. Esse processo é mais rápido e mais eficiente, porém você precisa ter um pouco mais de conhecimento sobre o Google meu negócio, para aprender mais click aqui e faça este curso gratuito do Google.

Porém, vou resumir esta segunda etapa e tenho certeza que você irá conseguir publicar sua empresa também, para isso faça o login no Google meu negócio clicando aqui e cadastre o estabelecimento seguindo estes passos:

Após fazer o login, aparecerá a tela inicial com vários recursos disponíveis, mas vou me restringir aqui apenas em te ensinar a cadastrar sua empresa por aqui, para isso clique em Adicionar Local, vai abrir um submenu aí você seleciona Adicionar um único local.



Na próxima tela vai abrir um campo para você pesquisar se a empresa já foi cadastrada por alguém, neste caso basta reivindicar a empresa e fazer a verificação com o Google.



Busquei por LP Pinturas Automotivas, que foi um cadastro recente que fiz e apareceu esta tela. Depois é só clicar em reivindicar agora (vou falar disto mais na frente).



Agora, caso a empresa que você buscou ou está tentando cadastrar não apareceu, fique tranquilo pois logo abaixo tem um campo para você cadastrar este novo estabelecimento, basta clicar nele.



A vantagem em fazer o cadastro por aqui é que além de cadastrar a empresa, você pode fazer a validação do local por telefone e ativar na hora, incrível né. Vamos lá vou te mostrar como é simples, clique em Incluir sua empresa no Google, aparecerá esta tela. Aqui você vai preencher o nome e clicar em próximo. Lembre-se que é o nome que vai aparecer no Google então capriche no nome.



Na próxima tela você vai preencher a categoria e clicar em próximo.



Aqui você marca se seu estabelecimento recebe clientes no local ou não.



Agora você vai incluir o endereço da sua empresa.



Já está quase terminando, informe se a empresa que você está cadastrando atende seus clientes também fora da empresa. Este campo é muito importante para prestadores de serviços.



Você também pode informar até que distância da sua empresa você atende seus clientes (não é campo obrigatório para ser preenchido) mas é importante para aparecer na busca.



Seguindo o passo a passo, na próxima tela você vai informar um fone de contato do estabelecimento, além disto você também pode informar o endereço do site (se já tiver um) ou criar um site gratuito da plataforma Google meu negócio, é simples mas já te ajuda com uma identidade web ou apenas ficar sem site mesmo.



Feito isso você chegará na etapa final, o bacana quando você cadastra sua empresa desta forma que além de ter criado a empresa no Mapa do Google, você também poderá gerenciar este estabelecimento, incluir fotos e responder comentários. Você começará a receber por e-mail de forma automática a quantidade de pessoas que acessaram seu endereço no mapa, fantástico não é mesmo?



Pronto, concluído esta etapa, agora é só validar as informações que você cadastrou com o Google, para isso você terá duas opções:

A primeira opção é fazer a validação por correio, em até 12 dias você receberá uma carta do Google com um código de ativação. Basta fazer o login novamente no Google meu negócio, e clicar na empresa e inserir o código de verificação que veio na carta do Google.

Segunda opção de validação é por chat com vídeo do Google (esse ativa na hora). Você também pode optar em validar mais tarde, isso não impedirá de sua empresa aparecer no Google em até 30 dias, mas você só vai poder gerenciar a empresa cadastrada depois que validar os dados cadastrados.



Top não é mesmo, então aproveite e cadastre já sua empresa no Google depois me conte como foi sua experiência.

Abs,
Marcos Antonio
Bondigital
 
Compartilhar com vocês meu conhecimento adquirido com mais de 5 anos atuando com mercado digital inclusive com passagem em empresas Multinacionais. Atualmente estou como Gerente de Produtos Digitais do Grupo Folha. Vou passar dicas importantíssimas sobre o mercado digital e tendências para quem está neste mercado e precisa se aperfeiçoar ou ainda quem tem uma ideia e quer tirar do papel. Aproveitem o conteúdo e boa leitura, ah e principalmente coloquem em prática tudo que você apreender, afinal neste mundo digital não existe fórmula mágica do sucesso, tudo precisa ser testado e testado e testado e testado.



ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
PUBLICIDADE