03/04/20
32º/19ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Isabel Furini
Isabel Furini
23/03/2020 - 05:43
Imprimir Comunicar erro mais opções

XÔ, VÍRUS REIZINHO!!


A criança inteligente
Evita ficar doente!
Faz a tarefa de casa,
À família leva informação.

Ao chegar da rua, avisa:
Todos devem lavar as mãos
E desinfetar com álcool gel.
Aos seus próximos enfatiza:
Se tossir, não vá pra multidão.

Nestes dias de isolamento
Aproveita e improvisa
Hora de divertimento,
De soltar a imaginação!

Dias de curtir os brinquedos
Os jogos de computador
Brincar com seus irmãos,
Ou assistir televisão.

Seguir as orientações
A mantém saudável
Sem implicações
Mudamos a previsão:
Tudo ficará favorável.

Elciana Goedert e Isabel Furini

Ilustração de Isabel Furini
Ilustração de Isabel Furini
19/03/2020 - 08:21
Imprimir Comunicar erro mais opções
O CONCURSO MUSICAL

Foi um concurso trabalhoso,
difícil a decisão!
O jurado duvidava
e as cabeças giravam,
como um antigo pião.

O mais musical é o barco
faz Tchiuuumm … Tchiuumm ...
Não! - gritava outro jurado -
O mais musical é o avião!
Seu som faz lembrar o rojão.

Slam! Blam! Faz a porta
do avião quando é fechada.
Brrrr trommm! Brrr trommm!
Faz o avião na tempestade.

- E você, jurado Zecão?
- Eu voto no caminhão.
Seus motores fazem ruídos
que estremecem o coração.
Brooommm!! Brooommm!!

E o trem? Esqueceram do trem?
Porque a meu ver,
o mais musical do mundo
é o apito do trem!
Piuíííííííí! Piuíííííííí! Piuíííííííí!

Assim as horas passavam
sem nenhuma conclusão,
até que um jurado zangado
acaba com aquela indecisão:
- Todos estão empatados!
Gritou com voz de tenor.

E saíram todos cantando
felizes com a competição.
Seguiam o trem e o caminhão
ao lado do barco e do avião.
E cada um deles dizia:
"Eu sou um grande campeão”.

Isabel Furini

06/03/2020 - 08:28
Imprimir Comunicar erro mais opções
O GATINHO PINTOR

O gatinho pintou um quadro
e não era um quadro abstrato.
Era a pintura de um rato
mordendo um lindo sapato.

O rato ficou zangado
e falou mal-humorado:
- Eu nunca mordo sapatos…
Quem morde sapatos é o gato.

O gato com calma falou:
- Desculpe, amigo rato.
Acontece que sou um pintor
com forte imaginação.

Isabel Furini

16/01/2020 - 22:45
Imprimir Comunicar erro mais opções
Era um dia muito chuvoso.
Primeiro chegou o Segundo,
depois chegou o Minuto.
O segundo disse, animado:
- Eu quero ser o maior.
E, de repente, o tempo
ficou parado.

-O que você quer?
Perguntou o Minuto irritado.
- Eu quero ganhar mais tempo
da medida de tempo.

- Eu só tenho 60 segundos.
Segundo, nada posso fazer,
mas fale com a Hora,
ela está composta de 60 minutos
que são 3.600 segundos.

A Hora chegou e explicou:
- Sinto muito, Segundo,
Eu não posso beneficiar ninguém.
Todos os segundos são iguais
e devem ter a mesma duração.

Segundo, entenda o caso:
- Você e seus irmãos
devem andar ao mesmo passo.

E o Segundo se resignou.
Ele pegou a mão de seus irmãos
e todos juntos foram andando
e o tempo continuou.

Isabel Furini

10/12/2019 - 06:43
Imprimir Comunicar erro mais opções
Minha familia tem uma tradição:
na noite do Natal
todos juntos cantamos
uma linda canção.

A ceia do Natal
é de harmonia.
Comemos o peru,
com alegria.

Meu tio Alberto
tira fotografias.
Minha tia Dora
declama poesias.

Fala a minha avó:
- Esqueçam o rancor,
porque o Natal
é o dia do amor.

Isabel Furini

Isabel Furini
 
Isabel Furini, escritora e educadora. Recebeu prêmios em concursos de poesia e de contos. Publicou 15 livros, entre eles: Mensagens das Flores e Ele e outros contos. Também escreve para o público infanto-juvenil. É autora da coleção "Corujinha e os Filósofos" da Editora Bolsa Nacional do Livro de Curitiba.



ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE