Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

Extraterrestre faz contato no sertão

31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Depois das festas de fim de ano, finalmente, estou de volta à rotina. Bem, na verdade, não tive grande período de folga, mas deu para viajar um pouquinho. Uma das paradas foi em Ivaiporã (PR), mais especificamente em um boteco sertanejo.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

- Aqui tá bicho feio. Só tem bacalhau...
- Vamo lá no pegacria? Vai tá cheio de pelúcia!
- Primo, lá tem umas chaiene cabiceira! Vamo vazá pro fervo?
- Aôôô Tchetchênia!

Continua depois da publicidade


Fiquei completamente perdido. Não estava entendendo nada do que diziam. Senti-me um estrangeiro. Pensando bem, estrangeiro não, isso é pouco. Um verdadeiro extraterrestre explorando um novo mundo! O mundo sertanejo!


Penei, mas com algum esforço, e muitas risadas, consegui me comunicar.

Continua depois da publicidade


_______________________________


Se você é bruto, rústico e sistemático, deve estar pensando: "Esse abêia é xucro mesmo. Não consegue nem prosiá!".


Agora, se como eu, não compreendeu quase nada desse dialeto. E, mesmo assim, quer fazer sucesso no meio caipira. Sugiro que, antes de se aventurar por aí, consulte este pequeno dicionário:


Abêia= tratamento pejorativo para homem.
Aôôô Tchetchênia= grito típico de felicidade.
Bacalhau= mulher feia.
Bicho feio= complicado.
Bruto, rústico e sistemático= como o sertanejo deve ser.
Cabiceira= de primeira.
Chaiene= mulher bonita.
Fervo= festa.
Pegacria= baile com música sertaneja.
Pelúcia= mulher bonita.
Prosiá= conversar.
Vazá= ir embora.
Xucro= com pouca inteligência.

Conhece mais gírias sertanejas? Ajude o extraterrestre aqui! Poste nos comentários!


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade