Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

O perigo das redes wi-fi

31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Ok, eu disse que hoje a melhor opção de acesso a internet móvel ainda é o wi-fi. O 3G ainda é caro e não há garantia de que a velocidade de conexão vá ser sempre alta. Já o wi-fi está sempre aí, disponível em cada vez mais lugares e muitas vezes de graça.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Mas calma aí. Usar wi-fi exige alguns cuidados com a segurança. A começar pela rede sem fio da sua casa. Você tem certeza de que sua rede é segura? Pois bem, confira o check list abaixo antes de responder que sim:

Continua depois da publicidade


1 - A senha de acesso ao endereço de configuração do roteador ainda é a senha padrão do fabricante?


2 - Sua rede wi-fi exige chave de acesso para permitir a conexão?


3 – O sistema de criptografia WPA ou WPA2 está ativado?

Continua depois da publicidade


4 – Seu roteador está configurado para permitir o acesso apenas de equipamentos cujo MAC (Media Access Control) está cadastrado?


Se a resposta para as perguntas 1 e 2 foi sim e a para a 3 e 4 foi não, é bom começar a pensar em melhorar a segurança da sua rede.


Em primeiro lugar, é essencial trocar o login e a senha da página de configuração (aquele endereço só de números que você digita no navegador) do roteador. Assim como você tem acesso a essa página, qualquer outro computador que acesse o sinal da rede poderá fazer o mesmo.


E como é muito fácil descobrir tanto o endereço de configuração quanto a senha padrão do fabricante do roteador na internet, não se arrisque. Com essa senha em mãos uma pessoa que consiga acessar sua rede pode inclusive ter acesso a sua chave de acesso e a outras configurações de segurança.


Esse é o mesmo caso da chave de acesso. Com ela ativada fica mais difícil para alguém usufruir do seu sinal wi-fi sem saber qual é a chave. Ou seja, a pessoa consegue detectar a sua rede, mas não consegue conectar.


Por outro lado, uma vez conectado a rede wi-fi o seu computador envia informações que ficam totalmente vulneráveis. Para minimizar esse risco, é importante ativar o sistema WPA ou WPA2, considerados menos vulneráveis que o WEP.


Por fim, caso a sua rede wi-fi seja utilizada apenas pelos computadores da casa, é fácil e útil configurar a rede para aceitar somente o acesso desses equipamentos através do endereço MAC deles. É uma configuração fácil de fazer e que impede que computadores desconhecidos usufruam da sua rede.


Todas as configurações acima são feitas através da página de configuração do roteador. Essa informação está no manual do seu roteador, assim como o login e a senha padrão do fabricante. Se estiver em dúvida, vá para o Google e digite a marca e o modelo do seu roteador. Em geral é possível encontrar tutoriais dos modelos mais populares.


Comece pelo login da página. Recuse o recurso de configuração automática e navegue pelas opções da página. Você vai precisar saber um pouco de inglês e de paciência. Mas é mais fácil do se imagina.

No próximo post falarei sobre segurança em redes públicas wi-fi.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade