11/12/19
º/º
PUBLICIDADE
Kick Off
Kick Off
15/04/2019 - 10:06
Imprimir Comunicar erro mais opções
Quem vê todo o desempenho do belga Kevin De Bruyne em campo, pelo Manchester City, não sabe o que o jogador de 23 anos passou para chegar até ali. Neste final de semana, ele deu uma entrevista para o site The PLayer's Tribune - que o blog recomenda fortemente - e contou todas as dificuldades que teve quando jovem.

Ele fala que por ser muito introspectivo, ainda mais quando era criança e treinava pelo Genk, na Bélgica, a família "postiça" que era contratada pelo clube para cuidar dos meninos simplesmente o rejeitou depois de um tempo. Nas férias, quando voltou para a casa dos seus pais verdadeiros, pegou sua mãe chorando. Ele perguntou o por quê e ela respondeu.

"Eles não querem você de volta por causa de como você é. Eles dizem que você é muito quieto, que não conseguem interagir com você. Que você é muito difícil."

De Bruyne relata então que após esse episódio se dedicou ainda mais, jogou muito mais bola, até ser contratado pela Chelsea. Chegou a fazer 5 gols em meio tempo pelas categorias de base do clube após o episódio. Vale a pena assistir o vídeo.


10/04/2019 - 14:52
Imprimir Comunicar erro mais opções


Um lance inusitado marcou uma disputa de pênaltis pela Liga Mexicana sub-17 nesta semana. O jogo era entre o Chivas Guadalajara e o Lobos Buap. O pênalti foi cobrado por Diego Campillo do Chivas e, de uma forma incrível, a bola entrou para o desespero do goleiro adversário.



O gol, claro, foi validado, até porque a bola não saiu de campo e nem parou a sua trajetória. A bobeira mesmo foi do goleirão que achou que o lance já havia terminado e não foi na bola.
09/04/2019 - 16:28
Imprimir Comunicar erro mais opções


O técnico da Argentina Lionel Scaloni passou por um grande susto na manhã desta terça-feira (9). O treinador foi atropelado enquanto andava de bicicleta, em Mallorca, na Espanha.




De acordo com o jornal local Crónica Balear, o acidente aconteceu por volta das 10h (horário local), no estacionamento do colégio Ágora. Scaloni caiu de cabeça nos paralelepipedos e não foi visto pelo motorista, que dava ré. Foi atendido pela ambulância e transferido ao hospital Universitario Son Espases.

Após ser atendido e receber os cuidados, o treinador recebeu alto e viajou de volta para Buenos Aires.
03/04/2019 - 07:23
Imprimir Comunicar erro mais opções
Imagine um time que vem da segunda divisão e o seu proprietário, empolgado, investe mais de 100 milhões de euros no time para jogar a principal competição do País, e mesmo assim é humilhado, como se não tivesse colocado 1 euro na equipe. Foi o que aconteceu com o Fulham, da Inglaterra, rebaixado da Premier League com cinco rodadas de antecedência.

Divulgação
Divulgação - O paquistanês Shahid Khan deve estar com uma dor de cabeça absurda
O paquistanês Shahid Khan deve estar com uma dor de cabeça absurda


O time subiu da Championship – segundona do País – ano passado e, animadíssimo, o paquistanês Shahid Khan (o bigodudo aí de cima) colocou toda essa grana no time. Virou pó. Hoje, dia 3, o cara até pediu desculpas aos fãs no site oficial do clube.




Foram três técnicos diferentes ao longo da temporada. Ontem o time levou uma sapatada de 4 a 1 do Watford decretando a queda do Inglês. O Fulham, em 33 jogos, tomou – acreditem – 76 gols, uma peneira. O aproveitamento é de 17%, perdendo as últimas cinco partidas. Será que o paquistanês cheio da grana queimou dinheiro? Ano que vem, ele vai bancar toda essa grana de novo?







01/04/2019 - 16:12
Imprimir Comunicar erro mais opções
Muitas vezes a emoção fala mais alto que a razão no futebol. E quando se trata da paixão do torcedor, tudo pode acontecer. Para muitos, os argentinos estão entre os mais fanáticos pelos seus clubes.

Um em particular, superou todo o fanatismo possível para comemorar o título de campeão argentino do Racing após o empate em 1 a 1 com o Tigres, no domingo (31).

Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter


Gabriel Aranda foi para a região do Obelisco, ponto tradicional de comemorações das torcidas em Buenos Aires, com o crânio do seu avô Valentín nas mãos. É isso mesmo, Aranda comemorou o 18º título nacional do clube de Avellaneda junto com o falecido avô.

"Estava no túmulo e eu tirei em todo o tempo em que o Racing jogou. Essa é a cabala do Racing", contou Gabriel à TNT Sports, ao vivo na rua, enquanto segurava o crânio nas mãos. "Ele ficaria orgulhoso do que fiz", completou o torcedor.

A foto do crânio de Valentín viralizou nas redes sociais e o crânio se tornou o símbolo da conquista do Racing.


Kick Off
 
Os jornalistas Lucio Flávio e Victor Lopes trazem as novidades do futebol internacional e o que de melhor acontece no mundo da bola. Do Real Madrid ao Carabobo, além da presença dos jogadores brazucas nas ligas pelos quatro cantos do planeta, tudo vira notícia aqui de forma descontraída e interativa.



ARQUIVO
Mês
Ano
AVISO: Opiniões e informações contidas nos blogs hospedados nesta plataforma são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem os valores do Portal Bonde.
PUBLICIDADE