Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

Já que o chefe pediu

31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Já que o editor pediu, a gente posta...

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Resolvi terminar o teste do consumidor consciente do Akatu e a última etapa são três perguntas sobre descarte de lixo. Para uma delas que falava sobre mortes em hospitais públicos estarem ligadas ao consumo de água poluída, respondi Não Sei, o que me deixou intrigada, porque para a primeira, que falava sobre o Brasil ser destaque na reciclagem mundial porque é formado basicamente por uma população pobre que depende do lixo para sobreviver, eu respondi que Sim pensando mais em responder Não Sei. A única certeza que tive foi que apóio campanhas de reciclagem sempre. Mas isso é tão básico que chega ser ridículo comentar.

Continua depois da publicidade


A visão do Akatu para o tema "Como Descartar" é simples: "O envio para reciclagem de todos os materiais que não têm mais possibilidade de uso é essencial para o uso sustentável dos recursos da natureza e da sociedade e para a redução da geração de lixo". Uma maravilha de definição, certo?!


Então porque é tão difícil fazer o mínimo? Tentando convencer minha prima e o namorado dela de que usar sacolas retornáveis é tão bom para o meio ambiente quanto para a arrumação da compra quando se chega em casa, levei duas belas gargalhadas e argumentos impossíveis de retrucar: - "Onde vamos colocar o lixo se não tivermos sacolinhas do mercado? Vamos gastar mais tendo que comprar saco de lixo!" Contra um pensamento desses, quem consegue lutar?


Eu continuo achando que se cada um de nós fizermos nossa parte, mesmo que ínfima, mesmo que ridícula, as coisas podem melhorar. Porque do jeito que está, não aguentamos nem mais 50 anos. E olha que apesar de ainda não ter filhos, gostaria de brincar com meus netos num parque cheio de grandes árvores no futuro.

Continua depois da publicidade


Ah, um caso curioso: hoje cedo, fui encher minha canequinha com água no bebedouro da redação e vi um teclado no lixo. Pensei, puxa, que maravilha, finalmente estão trocando os computadores velhos e quebrados. Mas depois lembrei, apenas um segundo depois, de que aquele teclado é lixo eletrônico e não deveria estar ali, com o lixo comum. Mas esta sou eu, uma ridícula em meio a tantos entendidos em sacolas plásticas que viram lixo...


Espero conseguir postar constantemente para agradar o chefe, apesar dos poucos comentários que este blog recebe...eu sei, ser ativista do meio ambiente pode deixar a pessoa pedante às vezes, mas a esperança é a última que morre!

Ei, não esqueça, dia 28 é a Hora do Planeta! Conto com você!


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade