Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

Ai que frio!!! (será mesmo?)

31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade
Tem gente por aí comemorando a chegada de uma frente fria.
Final de semana deu uma chuva boa e as temperaturas (por que a gente coloca isso no plural?) já deram uma caída.
Época boa para ver um monte de gente sem noção por aí.
Na ansiedade de tirar do armário as roupas quentes (que são bem mais bonitas e charmosas do que shortinho e mini blusa) tem gente que passa da dose certa.
Vamos combinar que ainda não chegamos ao extremo de usar bota de cano alto e casacos super pesados, né?
Ando todos os dias pelo calçadão para ir e voltar do trabalho e me dá pena ver uma mulherada toda encapotada, como se estivesse na Sibéria (um dia quero ir a Sibéria saber se é tão frio assim por lá).
Eu do meu lado, sofro com o frio mas não pela falta de bom senso no vestir, mas pela dificuldade de dormir.
Sou alérgica e não posso nem passar perto dessas cobertar fofinhas de pelos.
Na minha casa, só edredom. Eles são lindos, mas gelaaaaados...
Conseguir se aquecer entre um lençol e um edredom não é tarefa fácil, principalmente para alguém que tem os pés e as mãos sempre frios.
Outro problema é que não consigo dormir de pijama. Aí no inverno eu deito vestida e espero a cama esquentar para depois tirar a roupa. Mas tirar calças e blusas debaixo da coberta não é tão simples porque sempre entra aquele arzinho frio.
Depois de toda essa batalha, vem a questão de se mexer o mínimo necessário. Isso porque cada vez que me viro na cama, deito sobre um lençol novamente gelado. Acabo acordando porque sinto frio.
Outro dilema: eu sou o tipo de pessoa que bebe muita água e sempre acorda de madrugada para ir ao banheiro. Sabe o que é sair da cama às 4 da manhã no frio para fazer xixi? Péssimo!
Resultado: noites geralmente nem tão bem dormidas assim e cara de cansada no dia seguinte.
A solução de usar um cobertor de orelha (namorado ou marido para quem não conhece a expressão) também não adianta. Não consigo dormir grudada em ninguém. Acho lindo quando vejo aqueles casais de TV e cinema que se aninham um no outro e acordam abraçadinhos e ótimos, como quem dormiu o sono dos justos. Mas essa realidade romântica não faz parte dos meus sonhos.
Mas isso não abala meu humor nem a graça de usar roupas lindas durante os dias (sempre com moderação por favor!).
Que venha o inverno!!! (mas que dure pouco...)

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade