Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Isolamento domiciliar

Novo presidente do STF, Luiz Fux testa positivo para Covid-19

Marcelo Brandão/Agência Brasil
15 set 2020 às 10:23
- Marcelo Camargo/Agência Brasil
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O novo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, testou positivo para covid-19. Segundo a assessoria de comunicação da presidência da Corte, Fux foi ao hospital nesta segunda-feira (14), no Rio de Janeiro, após "apresentar aumento de temperatura corporal”. O ministro, no entanto, passa bem e conduzirá sua primeira sessão como presidente do STF.


"A suspeita é de que possa ter contraído o novo coronavírus em almoço de confraternização familiar no último sábado (12). O ministro seguirá os protocolos de saúde e ficará em isolamento pelos próximos 10 dias”, disse a assessoria do STF. As sessões ordinárias estão ocorrendo de forma remota, por videoconferência.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Boletim municipal: Londrina tem mais duas mortes pela Covid-19 e monitora 269 casos ativos

Leia mais:

Imagem de destaque
2x São Paulo

Área queimada no pantanal em 2024 já é 54% maior do que em ano de destruição recorde

Imagem de destaque
Saiba mais

Estudo atesta eficácia de tratamento mais barato para AVC pelo SUS

Imagem de destaque
Pouca mudança

Enquadramento de homotransfobia como crime de racismo completa 5 anos com lacuna de dados

Imagem de destaque
Nova tendência

Homens deixam muita pele à mostra para combater caretice e padrões de gênero


Ele tomou posse, na última quinta-feira (10), no cargo de presidente do Supremo, para um mandato de dois anos e acumulará a presidência do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Uma sessão do conselho estava prevista para amanhã (15), mas foi cancelada.

"A medida foi tomada após confirmação de que o presidente do CNJ, Luiz Fux, testou positivo para a covid-19 e vai manter o isolamento social. A reunião plenária não previa ao julgamento de processos. Em ato solene, Fux presidiria a primeira sessão do Conselho desde a posse no cargo de presidente, em 10 de setembro, com apresentação de eixos da gestão”, afirmou o CNJ, em nota.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade