Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Meteorologia

Previsão é de geada para RS e SC nesta terça, alerta Inmet

Vinícius Lisboa - Agência Brasil
14 mai 2024 às 16:15
- Inmet/Divulgação
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu dois alertas de perigo de geada para esta terça-feira (15) nos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. As áreas listadas não são as mesmas que foram mais afetadas pelas enchentes que voltaram a se agravar no fim de semana em municípios gaúchos, mas há cidades próximas.


Um dos avisos inclui o Vale do Itajaí, Grande Florianópolis, nordeste rio-grandense, Serrana, sul catarinense. Já o outro, vale para o sudoeste rio-grandense, sudeste rio-grandense, centro oriental rio-grandense, centro ocidental rio-grandense. Apesar de o mapa indicado pelo Inmet não incluir a capital, o aviso se estende à Região Metropolitana de Porto Alegre.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O segundo aviso também envolve municípios próximos da porção sul da Lagoa dos Patos e se estende a Pelotas, que também sofre com os alagamentos. Já as geadas da porção norte não estarão distantes das cidades de Canela e Bento Gonçalves, que também tiveram prejuízos por causa das chuvas.

Leia mais:

Imagem de destaque
Apoio ao bioma

Força Aérea lança 336 mil litros de água para combater incêndios no Pantanal

Imagem de destaque
Entenda

Novo STJD negocia cargos e tem confusão com Textor como herança

Imagem de destaque
Cronologia das cotas na política

Cotas para mulheres e negros vêm da década de 1990 e foram ampliadas por TSE e STF

Imagem de destaque
Batizado de "Pena Justa"

Governo Lula quer criar uma nova classificação de presos no país


Segundo o Inmet, o sul da Lagoa dos Patos deve ter mínima de 4 graus Celsius (°C) na manhã de quarta-feira (15). Já na Grande Porto Alegre e nos arredores do Lago Guaíba, os termômetros devem marcar mínimas de 6°C a 7°C.


LEIA TAMBÉM:


Imagem
Fake news prejudicam tomada de decisão por afetados em catástrofe do Rio Grande do Sul
As redes sociais têm sido amplamente utilizadas para a disseminação de fake news (notícias falsas) sobre a tragédia provocada pelas chuvas no Rio Grande do Sul, com o pricipal foco sendo o de atacar e desacreditar as instituições públicas.
Imagem
Idosos são os mais prejudicados por calor excessivo e aquecimento global, mostra estudo
A exposição a altas temperaturas pode causar desidratação, distúrbios de sódio, disfunção renal e até mesmo a morte, sobretudo entre os mais velhos.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade