Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Acidente aéreo

Voo 447: Operação de resgate entra na fase mais difícil

Agência Estado
23 jun 2009 às 17:48
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A operação de resgate do voo 447 da Air France entra em uma fase mais difícil, duas semanas após o acidente. Desde quinta-feira (11), a força-tarefa militar brasileira nada avistou na região de buscas, enquanto o último resgate realizado pela Marinha francesa ocorreu na sexta-feira, com o recolhimento de seis corpos. Eles foram transferidos para a Fragata Bosísio da Marinha do Brasil e chegam a Fernando de Noronha amanhã - para pré-identificação, já realizada em 43 corpos. Foram resgatados 49 corpos. Havia 228 passageiros a bordo.

O Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife retificou ontem que são 43 e não 44 corpos. Após a pré-identificação, constatou-se que um deles não apresentava tecido humano, "mas de animal marinho de grande porte, possivelmente eviscerado por alguma embarcação de pesca e atirado ao mar". Segundo a Polícia Federal e a Secretaria Estadual de Defesa Social, o equívoco ocorreu pela impossibilidade de se verificar, visualmente, se o fragmento de tecido é humano ou não. Com cerca de 80 centímetros, ele passará por exames laboratoriais. Diante disso, o comando operacional passará a utilizar o termo "despojo mortal" e não mais "corpo" para o que for encontrado.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


O brigadeiro Ramon Borges Cardoso, diretor-geral do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea) disse que não há prazo para o encerramento das buscas. Lembrou que "a decisão não será só com base em dados técnicos". "Se continuarem encontrando corpos, as buscas serão estendidas." Do lado francês do resgate, a operação também está em fase crítica. As equipes sabem que a caixa-preta pode emitir sinais por, no máximo, mais 15 dias. Depois disso, ficará ainda mais difícil vasculhar o fundo do Oceano Atlântico.

Leia mais:

Imagem de destaque
Alerta

Apenas 15% das estações de monitoramento de rios enviam dados em tempo real no Brasil

Imagem de destaque
Novos bairros alagados

Alagamentos já duram 22 dias e gaúchos acumulam perdas

Imagem de destaque
Até 31 de maio

Um a cada quatro brasileiros ainda não entregou IR a uma semana do fim do prazo

Imagem de destaque
Dentro de um túnel

Exército de Israel recupera corpo de brasileiro sequestrado pelo Hamas

Centenas de destroços do Airbus chegaram ontem ao Porto do Recife. As peças trazidas ontem também não apresentavam sinais de queimadura. Entre o material resgatado está parte do estabilizador da aeronave. A peça, com 14 metros de comprimento e 4,5 metros de largura, foi encontrada no dia 3. Um representante do BEA (órgão francês que comanda as investigações), dois funcionários da Air France e o embaixador francês, Pierre-Jean Vandoorne, acompanharam o desembarque.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade