Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
79% dos atendimentos gravados

Em 30 dias, Guarda Municipal gravou 715 atendimentos com as câmeras corporais

Redação Bonde com n.com
04 mar 2023 às 08:38
- Guilherme Marconi - Grupo Folha
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Secretaria Municipal de Defesa Social, por meio da Guarda Municipal de Londrina, divulga o balanço do primeiro mês de utilização das câmeras corporais que estão sendo utilizadas pelas equipes de guardas municipais desde o dia 1º de fevereiro.    O uso da ferramenta foi recomendado pelo Ministério Público. 


Segundo informações do setor de Estatística da instituição, durante o primeiro mês a central registrou o atendimento de 900 ocorrências, das quais 712 foram atendidas e registradas na íntegra pelas “bodycams”, totalizando 79% dos atendimentos feitos pelas equipes do setor operacional. Inicialmente, 12 câmeras estão sendo disponibilizadas por turno de serviço.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


De acordo com o secretário de Defesa Social, coronel Pedro Ramos, o teste inicial está mostrando resultado suficiente. “Nosso conceito é que durante o atendimento de todas as ocorrências nós teremos ao menos uma câmera. Nesse início de trabalho o número de câmeras tem se mostrado suficiente. Na medida em que a gente for avançando vamos avaliando a necessidade de colocar outra câmera em um segundo membro da equipe, ou até mesmo acoplada na viatura, como temos visto nas polícias de outros países. Acreditamos que esse equipamento contribui para a maior transparência durante os atendimentos”, concluiu.

Leia mais:

Imagem de destaque
Novela 'parada'

Após problemas na quadra do Moringão, Prefeitura de Londrina vai abrir licitação para troca de piso

Imagem de destaque
EM PENSIONATO

Estudante de medicina brasileiro é encontrado morto em quarto no Paraguai

Imagem de destaque
Decisão provisória

Justiça proíbe líder de suposta ONG em Maringá de pedir dinheiro para tratamento de animais

Imagem de destaque
JULGAMENTO

Moraes vota para condenar mais 15 pelos atos golpistas de 8/1


A diretoria operacional da Guarda Municipal prossegue analisando os arquivos audiovisuais gerados pelo equipamento a fim de aprimorar a captura das imagens para garantir mais segurança e transparência no processo. A Defesa Social ressalta que as informações contidas nos arquivos são protegidas pelos termos Lei 13.709/2018, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Publicidade

Publicidade

Últimas notícias

Publicidade