Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Arrecadaram R$ 200 mil

Ex-alunos financiam revitalização de bloco de Direito da UEM

Jéssica Sabbadini - Especial para a Folha
17 mai 2024 às 10:15
- Divulgação
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Uma associação formada por egressos do curso de Direito da UEM (Universidade Estadual de Maringá) entregou na manhã da última terça-feira (14) a reforma do Bloco D34. O grupo arrecadou R$ 200 mil para revitalizar os banheiros e construir uma praça, trazendo mais conforto para docentes e alunos.


Professor do curso de Direito da UEM, Alaércio Cardoso explica que o Bloco D34 tem 42 anos e nunca passou por uma reforma, sendo que os banheiros estavam em uma situação precária, inclusive com vazamentos em dias de chuva. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Por conta do cenário, a decisão foi reunir profissionais formados pela universidade em uma campanha para revitalizar o bloco.

Leia mais:

Imagem de destaque
Preço médio de R$ 74 mil

Fiat Cronos assume a liderança em rentabilidade

Imagem de destaque
Nissan Kicks na liderança

Confira os carros e motos mais buscados no mês de maio no Brasil

Imagem de destaque
199,1 milhões de hectares

Quase 1/4 do território brasileiro pegou fogo nos últimos 40 anos

Imagem de destaque
Profissionalização

Clube das Mães Unidas abre inscrições para mais de 20 cursos gratuitos


A Associação Bloco D34 foi criada no final do ano passado e já conta com 580 membros, que atuam em diversas áreas do Direito. “Foi aberta uma conta em nome da associação e as pessoas contribuíram”, explica. 

Publicidade


Em três meses de campanha, foram arrecadados R$ 200 mil para custear a reforma dos principais banheiros do bloco e de uma sala de aula, assim como para a construção de uma praça de convivência no térreo. A obra foi doada à universidade.

Publicidade


Agora, a Associação Bloco D34 vai seguir em busca de novos recursos para dar continuidade à revitalização do prédio, incluindo a pintura. O curso de Direito da UEM tem 58 anos e já formou mais de 7 mil profissionais. 


“Os ex-alunos ficaram contentes em poder fazer alguma coisa e deixar um legado. São profissionais bem sucedidos, então eles têm um sentimento de gratidão com a universidade que proporcionou isso”, afirma. 

Publicidade


O advogado Rafael Veríssimo, 34, considera a universidade como uma “segunda casa”, principalmente pela qualidade do ensino. 


“O fato de eu ter me formado na UEM sempre foi visto com muito bons olhos”, afirma. O reconhecimento da importância que a instituição teve em sua vida foi o que motivou a vontade em retribuir um pouco do que recebeu ao longo dos anos de estudo. 


“Aquele é um lugar que transformou a vida de muita gente, inclusive a minha, então nada mais justo do que a gente devolva”, reforça, complementando que os atuais alunos e docentes podem agora aproveitar um espaço adequado para o ensino.


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Ex-alunos bancam reforma de bloco de Direito da UEM
Egressos do curso de Direito da UEM revitalizam Bloco D34 com novos banheiros e praça, melhorando o ambiente para alunos e docentes.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade