Pesquisar

Canais

Serviços

Reprodução/ Facebook
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Londrina

TJ nega nova prisão de ex-GM acusado de matar Matheus Evangelista

Rafael Machado/ Grupo Folha
21 jun 2021 às 14:13
Continua depois da publicidade

Os desembargadores da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná negaram a decretação de uma nova prisão preventiva do ex-guarda municipal Fernando Neves, acusado de matar Matheus Evangelista, de 18 anos, em março de 2018. O jovem participava de uma festa no Jardim Porto Seguro, zona norte de Londrina, quando teria sido atingido por uma bala durante uma abordagem dos agentes. Eles teriam sido chamados para atender uma reclamação de perturbação de sossego.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


O pedido para que Neves voltasse para a cadeia foi feito pelos advogados Inaiane Gonçalves e Mário Barbosa, que representam a família de Matheus. No recurso, eles justificaram que "a soltura foi ilegal" porque o juiz Paulo César Roldão, que concedeu a liberdade provisória em outubro do ano passado, "não trouxe elementos concretos que demonstraram o excesso de prazo ou a desnecessidade da manutenção da prisão preventiva".

Continua depois da publicidade

Leia mais na Folha de Londrina.


Continue lendo