Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Bloqueados

Empresas barram MSN e Orkut no ambiente de trabalho

Redação Bonde
29 jun 2006 às 14:33
A maioria das empresas já limita acesso à web - Arquivo Folha
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Apesar de serem muito populares, os programas de mensagens instantâneas e sites de relacionamento como o Orkut são cada vez menos vistos no ambiente de trabalho. Preocupados com a segurança, sobrecarga da rede e produtividade dos funcionários, boa parte das empresas já bloqueia o acesso a aplicativos como estes, considerados inapropriados no horário comercial.

Por conta disso, as fabricantes de softwares de segurança e gerenciamento de conteúdo passaram a proteger seus clientes não apenas dos ataques de "hackers " e vírus, mas dos próprios empregados das companhias. Um caso típico é o uso do MSN Messenger, comunicador instantâneo da Microsoft. No Brasil, são 20 milhões de usuários, o segundo maior mercado do programa no mundo.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O e-mail corporativo também tem se tornado um crescente alvo de controle. Ano passado, casos polêmicos ganharam manchetes, como a demissão do presidente da Boeing, Harry Stonecipher, que mandou e-mails com conteúdo erótico para uma funcionária. Seu e-mail foi interceptado por um software de controle da empresa e retransmitido à diretoria, o que resultou na sua demissão.

Leia mais:

Imagem de destaque
Crystal

Como funciona o Cirque du Soleil, que leva espetáculo de gelo ao Rio e a São Paulo

Imagem de destaque
Proibido em 21 países

Saiba como é a legislação sobre aborto ao redor do mundo

Imagem de destaque

PL antiaborto deixa a lei brasileira tão dura quanto a de países como Afeganistão e Indonésia

Imagem de destaque
Veja vídeo

Kate Middleton faz primeira aparição pública oficial após confirmar câncer


Até o uso de memórias portáteis, os "pen drives", em algumas situações, já é proibido. Como ele tem grande capacidade de armazenamento e é discreto, algumas empresas criam meios de evitar cópias de arquivos sigilosos de seus computadores.

Com o corte, muita gente ficou insatisfeita, mas a maioria dos problemas acabou.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade