Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Em Portugal

Estudo mostra visão estereotipada dos brasileiros

BBC Brasil
21 nov 2007 às 17:57
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Uma pesquisa realizada na Universidade de Coimbra sobre a imigração brasileira em Portugal revela que, para os portugueses, a imagem das mulheres brasileiras está relacionada ao sexo e dos homens à falta de compromisso e à malandragem.

Para Benalva da Silva Vitório, autora da pesquisa, "a brasileira é vista como menina de programa". Segundo ela, essa imagem está relacionada às campanhas de turismo promovidas fora do Brasil.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


"Acredito que isso tenha começado por causa da Embratur, que vendia o Brasil como um lugar de praias bonitas e mulheres sensuais", disse à BBC Brasil.

Leia mais:

Imagem de destaque
Estados Unidos

Cresce coro pela desistência de Biden, que encara momento crucial nesta quinta

Imagem de destaque
Preços até R$ 13.799

Samsung lança novos celulares dobráveis e fone de ouvido que faz tradução

Imagem de destaque
Diz ONU

Má gestão de resíduos promove doenças infecciosas, cardiovasculares, respiratórias e endócrinas

Imagem de destaque
Pessoas em situação de rua

Buenos Aires registra cinco mortes pelo frio em menos de um mês


A Embratur afirma que "desde o início da década de 90 houve mudança radical na orientação da promoção internacional e, desde então, não se usa qualquer imagem desse tipo."

Publicidade


Estereótipos - De acordo com a pesquisa, a imagem dos homens brasileiros também segue estereótipos e revela uma visão negativa.


"Os homens são vistos como malandros, que fazem muito barulho e não cumprem compromissos", disse a autora.

Publicidade


O estudo é resultado da tese de pós-doutorado da brasileira Benalva Vitório. O estudo foi publicado no livro "Imigração Brasileira em Portugal – Identidade e Perspectivas" lançado em Lisboa em novembro .


A pesquisa ouviu 50 brasileiros em cinco regiões de Portugal – Lisboa, Porto, Coimbra, Braga e Algarve. Além das entrevistas, a autora pesquisou artigos veiculados na imprensa portuguesa sobre os imigrantes brasileiros e outras formas de representação de brasileiros no país.

Publicidade


Perfil - A pesquisa aponta ainda uma mudança no perfil dos imigrantes brasileiros em Portugal a partir da década de 90, quando, segundo a autora, a instabilidade econômica gerada pelo Plano Collor provocou a ida de muitos brasileiros de classe média e alta para Portugal. "Foi a época dos dentistas, publicitários e informáticos", exemplificou.


Segundo ela, atualmente o perfil é diferente. A maioria dos imigrantes brasileiros trabalha na construção civil, no comércio, em restaurantes e no serviço doméstico e em atividades que não exigem qualificação.

A maioria dos brasileiros ouvidos na pesquisa afirmou que estaria morando em Portugal por pouco tempo. "Eles vêm fazer um pé-de-meia e vivem com a idéia de voltar. Todos se dizem passageiros da chuva", diz a autora.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade