Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Censo

INSS suspende benefícios de mais de 30 mil segurados

Redação Bonde
02 abr 2007 às 09:16
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A partir desta segunda-feira (2), o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) suspende o pagamento de 31.047 benefícios de segurados que responderam o censo por meio de procuradores e tutores, mas que não foram encontrados nos endereços declarados.

Segundo a assessoria do Ministério da Previdência Social, em fevereiro foi publicado o edital convocando 31.332 segurados a comparecer em uma agência do INSS para comprovar os dados no prazo de 30 dias. Apenas 285 pessoas comprovaram. As informações são da Agência Brasil.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


Para os benefícios serem reativados, o segurado deve procurar uma agência da Previdência Social com o cartão do benefício, documento de identidade, comprovante de residência e o Cadastro da Pessoa Física (CPF). Caso os documentos sejam entregues por meio de procurador, os servidores do INSS farão uma nova visita ao endereço declarado.

Leia mais:

Imagem de destaque
Relações internacionais

Longe da líder China, EUA miram qualidade na relação comercial com Brasil

Imagem de destaque
Críticas

Movimento 'Blockout' nas redes sociais mira celebridades nos EUA

Imagem de destaque
Treta

Travis Scott e Tyga brigam durante festa em Cannes

Imagem de destaque
Flórida

Justiça dos EUA marca julgamento de processo para indenização das vítimas do voo da Chapecoense

Também a partir de hoje, o INSS suspende 93.708 benefícios com numeração final 8. Os beneficiários receberam carta de convocação em janeiro, mas ainda não compareceram. De acordo com a assessoria do ministério, serão ainda cessados 8.736 benefícios de final 3, 4 e 5.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade