Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Golpe

Mais uma idosa morre após ameaça de falso seqüestro

Redação Bonde
03 mar 2007 às 17:15
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Uma mulher de 80 anos morreu neste sábado (3), em São Luís, no Maranhão, depois que passou a receber ameaças de sequestradores. Maria Martins Bringel recebeu um telefonema de homens que diziam ter sequestrado a neta dela, de 16 anos, há um mês. Este é o terceiro caso de morte provocado pelo mesmo tipo de trote.

Segundo informações do Globo News, a idosa, que era hipertensa, passou a apresentar problemas de saúde depois que passou a receber novas ameaças, dias depois do trote sobre a neta. Com o problema da pressão alta agravado, a mulher foi internada em um hospital, entrou em coma e morreu às 3h deste sábado.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


Na última quinta feira (1º), uma idosa de 70 anos também morreu depois de receber uma ligação semelhante no dia 24 de fevereiro, na região de Campinas. Ela foi socorrida depois de sofrer um princípio de infarto, mas acabou morrendo.

Leia mais:

Imagem de destaque
Crystal

Como funciona o Cirque du Soleil, que leva espetáculo de gelo ao Rio e a São Paulo

Imagem de destaque
Proibido em 21 países

Saiba como é a legislação sobre aborto ao redor do mundo

Imagem de destaque

PL antiaborto deixa a lei brasileira tão dura quanto a de países como Afeganistão e Indonésia

Imagem de destaque
Veja vídeo

Kate Middleton faz primeira aparição pública oficial após confirmar câncer

No dia 12 de fevereiro, a aposentada Mércia Mendes de Barros, 67 anos, sofreu um infarto e morreu após receber um telefonema com o golpe do falso seqüestro em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo. O autor do trote dizia que havia seqüestrado um dos filhos da aposentada, que tinha problemas cardíacos.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade