Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade

MP processa trinta siderúrgicas e carvoarias

Redação - Bonde
14 jan 2004 às 20:15
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Trinta empresas mineiras que atuam nos ramos de siderurgia e reflorestamento estão sendo processadas em 21 Ações Civis Públicas propostas pelo Ministério Público do Trabalho, através da Procuradoria Regional do Trabalho da 3ª Região, em Minas Gerais.

As ações têm origem no descumprimento de normas trabalhistas, condições precárias de trabalho oferecidas pelas empresas e irregularidades na contratação de serviços terceirizados nas carvoarias que abastecem os fornos das siderúrgicas. Várias carvoarias que atendem a essas siderúrgicas são acusadas de praticar trabalho escravo.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O MPT venceu a maioria das causas nas instâncias do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), mas as empresas entraram com recursos que ainda não foram apreciados pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST).

Leia mais:

Imagem de destaque
Em turnê no Brasil

Saiba quem é Matteo, filho de Andrea Bocelli que também é tenor

Imagem de destaque
Forbes

Real Madrid lidera lista dos clubes mais valiosos do mundo; veja top 30

Imagem de destaque
Com Rubiales

Messi e Piqué são suspeitos em esquema de corrupção, diz jornal

Imagem de destaque
Ela merece

Em ano olímpico, Rebeca Andrade ganha homenagem da Barbie e quer inspirar outros sonhos


A Justiça do Trabalho reconheceu, em algumas ações, a legitimidade do Ministério Público em poder ajuizar Ações Civis Públicas contra as empresas que terceirizavam ilegalmente a produção de carvão vegetal, através de empreiteiros.

Fonte: Agência Brasil (ABr)


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade