Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Recheado de dólares

Mulher joga fora colchão que escondia US$ 1 milhão

BBC Brasil
10 jun 2009 às 14:13
- Reprodução
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Uma moradora de Tel Aviv está fazendo buscas em depósitos de lixo de Israel, depois de ter jogado fora um colchão velho de sua mãe que estaria recheado com US$ 1 milhão (cerca de R$ 2 milhões).

A mulher, identificada apenas como Anat, comprou um colchão novo de surpresa para sua mãe e jogou o velho fora, segundo informações do jornal Yedioth Ahronoth.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Mas quando sua mãe voltou para casa, "quase desmaiou", já que ela havia escondido as economias de toda sua vida no colchão.

Leia mais:

Imagem de destaque
Ela merece

Em ano olímpico, Rebeca Andrade ganha homenagem da Barbie e quer inspirar outros sonhos

Imagem de destaque
Saiba mais

CEO do Google defende uso gratuito de conteúdos na internet para treinar IA

Imagem de destaque
Karim Bianchi

Senador chileno diz que foi abduzido por ETs e que precisa difundir mensagem

Imagem de destaque
The Posthumous Memoirs of Brás Cubas

Edição em inglês de Memórias Póstumas de Brás Cubas é o livro latino mais vendido na Amazon


Até agora, as buscas em três depósitos de lixo se mostraram infrutíferas, diz o jornal.

Publicidade


Quando a mulher se deu conta do erro, ela correu para tentar recuperar o colchão velho, mas ele já havia sido levado para o depósito local.


Ela correu até o depósito, mas descobriu que, de lá, o colchão havia sido levado para um de outros dois grandes depósitos, junto com outras 3 mil toneladas de lixo coletadas no dia.

Publicidade


Uma busca no primeiro destes grandes depósitos não deu resultados. A mulher seguiu então para o depósito de Efeh, próximo ao Mar Morto.


Yitzhak Borba, diretor do depósito de Efeh, disse à Rádio Militar israelense que a mulher estava "totalmente desesperada" quando chegou.

Publicidade


Ele teria mantido alguns funcionários no depósito durante a noite para afastar caçadores de tesouro e ajudar a mulher.


Apesar de não ter conseguido recuperar o colchão e sua fortuna escondida, Anat pareceu filosófica sobre a perda.

"As pessoas têm que dar às coisas a devida proporção e agradecer a Deus pelo que é bom e pelo que é ruim", disse ela. A mãe não fez nenhum comentário.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade