17/04/21
PUBLICIDADE
Tipo de transporte em alta

Portos do Paraná vão priorizar aumento da competitividade, atendimento e baixo custo

Após garantir um aporte de investimentos públicos e privados que totalizam cerca de R$ 4 bilhões até 2020, a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) vai priorizar ações para garantir disponibilidade de atendimento, competitividade e baixo custo operacional nos próximos anos.

A informação é do diretor-presidente (Appa), Luiz Henrique Dividino. Ele participou nesta terça-feira (07) do Fórum de Discussões Hidroviárias e Portuárias, evento em que falou sobre 'O Futuro dos Portos do Paraná'. O fórum propôs discussões sobre as perspectivas e soluções para o transporte hidroviário e portuário no Brasil.


De acordo com Dividino, entre 2011 e 2016 foram investidos nos portos do Paraná R$ 2,6 bilhões - R$ 624 milhões em investimentos públicos e outros R$ 2 bilhões em investimentos privados.

"Para os próximos anos a perspectiva é ainda melhor, serão cerca de R$ 4 bilhões e estamos trabalhando para atender cada vez mais e melhor os clientes e investidores que escolhem Paranaguá e Antonina", declarou Dividino.

No evento também foram apresentados os projetos para melhoria da infraestrutura portuária, aquisição de equipamentos, campanhas de dragagem e ações de desenvolvimento sustentável. Dividino falou ainda sobre os gargalos logísticos e detalhou os projetos de expansão da Appa.

O Fórum reuniu especialistas para debater os principais aspectos do transporte aquaviário, como a modernização da infraestrutura, regulamentação do setor, condições dos portos brasileiros, entre outros temas.

O evento foi promovido pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), juntamente com o Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura, com apoio da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep).

Transporte em expansão

O Brasil tem 7.408 quilômetros de costa e 13 mil quilômetros de vias navegáveis.

Para Eduardo Ratton, superintendente da UFPR/ITTI, o transporte aquaviário está em plena expansão no mundo inteiro. Porém, sua viabilidade depende da constante modernização da infraestrutura, como no caso dos portos. "Por isso, a relevância de um evento como este para ampliar o entendimento sobre o setor".

Além da Appa, o Fórum reuniu palestrantes da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antag), do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), do Conselho Nacional de Praticagem, da Secretaria de Portos e da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep).
Agência Estadual de Notícias
PUBLICIDADE
Continue lendo
Após sete finais de semana

Comerciantes de Londrina comemoram retomada do atendimento aos sábados

17 ABR 2021 às 16h33
Funeral do marido

Imagem da rainha Elizabeth isolada gera comoção nas redes sociais

17 ABR 2021 às 15h39
6º sorteio sem ganhador

Caixa sorteia hoje R$ 40 milhões da Mega-Sena acumulada

17 ABR 2021 às 13h42
Operação Pronta Resposta III

Homem morre durante operação da PM no Flores do Campo

17 ABR 2021 às 13h23
Publicação viralizou

Aluna surda recebe explicação de professor por áudio

17 ABR 2021 às 12h58
Deu falta

Professores da rede estadual denunciam falhas em novo sistema de registro de frequência

16 ABR 2021 às 20h20
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados