Pesquisar

Canais

Serviços

Aldemir de Moraes/Prefeitura de Maringá
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Evite problemas

Procon de Maringá dá dicas para compras neste fim do ano

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
24 dez 2021 às 10:39
Continua depois da publicidade

Comprar produtos com melhores preços, evitar cair em golpes e ter garantia de trocas são algumas das dicas do Procon de Maringá (Noroeste) para evitar surpresas desagradáveis nas compras deste fim de ano.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Tudo para garantir um bom Natal e virada de ano sem aborrecimentos com produtos danificados, pagamentos mais caros por presentes que estejam mais em conta em outros lugares, dívidas com compras além do que se pode pagar depois e outras situações que acabam sendo registradas posteriormente no Procon. 

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


A pesquisa é a melhor ferramenta de quem compra. “É muito importante antes de realizar as compras de Natal, que os consumidores analisem seu orçamento para verificar quanto poderão gastar. Importante também pesquisar o produto porque existe muita variação de preço no mercado”, alerta a coordenadora do órgão de fiscalização, Patrícia Parra. 


Ela orienta que, em caso de compras no crédito ou parcelamentos em carnês, é importante verificar quantas parcelas foram registradas pela loja, qual a taxa de juros e data de pagamento. Isso para evitar cair em “armadilhas” que possam aumentar o valor do produto ou prejudicar o cliente depois. 


A nota fiscal é outra aliada do cliente. Com o documento, é possível comprovar o que e quando comprou. O que dá garantia de troca ou reembolso em caso de defeito ou insatisfação. Portanto, a nota fiscal sempre deve ser solicitada quando comprar.

Continua depois da publicidade


Internet: Nas compras online, é importante avaliar o site primeiro. Buscar referências de quanto tempo a empresa está no mercado, se tem CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica), endereço, telefone para contato. Em dúvida, melhor não comprar e buscar o produto em outro site mais confiável. 


Outro fator importante em compras pela internet é que, no caso da mercadoria comprada não coincidir com a descrição no anúncio, ou quando há alguma situação em que que a pessoa não queira o produto, o cliente tem até sete dias como “arrependimento” para trocar ou ter seu dinheiro de volta. Isso contando a partir do dia que o produto foi entregue para o consumidor. 




Continue lendo