Pesquisar

Canais

Serviços

- Gina Mardones/18-07-2018/Arquivo Folha
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Atua em presídios

Gaeco faz operação contra facção criminosa e cumpre mandados em Londrina

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
26 set 2019 às 11:10
Continua depois da publicidade

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), do MP (Ministério Público) do Paraná deflagrou nesta quinta-feira (26) a operação "En Passant" que apura a atuação de uma organização criminosa em presídios do Paraná. São cumpridos 18 mandados de prisão preventiva e seis mandados de busca e apreensão, alguns em presídios de Londrina e em uma residência em Porecatu (Região Metropolitana de Londrina).

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

É uma operação conjunta do Gaeco com o BOPE (Batalhão de Operações Especiais), Choque, e SOE (Serviço de Operações Especiais) da Polícia Militar.

Continua depois da publicidade


De acordo com o MP, suspeitos são investigados por participarem de uma facção criminosa envolvida em tráfico de drogas, comércio e posse de armas, sequestro e cárcere privado de pessoas, além de participação em homicídios de presos ou desafetos da organização.


As investigações, que são conduzidas pelo Núcleo de Ponta Grossa (Campos Gerais) do Gaeco em conjunto com o 1º BPM (Batalhão de Polícia Militar), começaram há sete meses.

Ao todo, além dos 18 mandados de prisão preventiva, são cumpridos seis mandados de busca e apreensão são cumpridos nos presídios em Piraquara (Região Metropolitana de Curitiba) e Londrina e sete em residências dos investigados em União da Vitória (Sul), General Carneiro (Sul), Porecatu, Ponta Grossa e Prudentópolis (Campos Gerais).


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade