16/01/21
Homicídios

Suspeito de chefiar tráfico na zona oeste de Londrina é detido em operação

Pedro Marconi - Grupo Folha
Pedro Marconi - Grupo Folha


O suspeito de chefiar o tráfico de drogas na zona oeste de Londrina foi preso durante operação da PCPR (Polícia Civil do Paraná), por meio da unidade de Homicídios, na manhã de quinta-feira (24). Houve o cumprimento de 20 mandados judiciais - cinco de prisão preventiva e 15 de busca e apreensão domiciliar.


São investigações referente a um crime de consumado e uma tentativa de homicídio ocorridos em 2020.

Segundo a PCPR, durante as investigações, verificou-se, além dos crimes contra a vida, a prática, em tese, dos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e porte de arma de fogo.

Os mandados foram cumpridos na zona oeste de Londrina e em Cambé.

Em coletiva de imprensa, o delegado João Reis, os dois crimes investigados têm o mesmo mandante, um indivíduo suspeito de comandar o tráfico de drogas na zona oeste de Londrina. "Na morte do Eliel Couto, ocorrida em janeiro deste ano no jardim Olímpico, a vítima era usuário de drogas e praticava tráfico para esse suspeito, acusado de comandar o tráfico no jardim Olímpico e Maracanã. Ele teria descoberto que Couto estaria usando os pinos de cocaína para completar com farinha ou outra mistura. A reclamação chegou ao chefe do tráfico, que teria mandado outra pessoa dar uma surra em Couto com pedaço de madeira, o que acabou ocasionando sua morte", esclarece.

A tentativa de homicídio ocorreu no conjunto Avelino Vieira, em agosto de 2020. "A segunda vítima teria matado um familiar do suspeito de chefiar o tráfico tempos atrás. Ele resolveu cometer vingança e mandou que outra pessoa fizesse esse atentado. Identificamos que a pessoa que fez a tentativa de homicídio fazia parte dessa quadrilha de traficantes e, para poder crescer na organização criminosa, aceitou a incumbência de matar a vitima. Efetuou diversos disparos, mas somente um acertou o abdome da vítima, que está internada em hospital", comenta.

Dos cinco mandados de prisão preventivas, dois eram contra o chefe do tráfico. Outros dois eram de pessoas que estavam nas ruas e dois mandados, como eram contra pessoas que já estavam no sistema penal, foram cumpridos dentro do sistema penal.

Foi apreendida uma arma calibre 9mm, que será periciada por suspeita de ser a arma dos crimes. O revólver estava na residência da mãe do suspeito de chefiar o tráfico, que foi presa em flagrante por posse de arma de fogo.

Dentro do apartamento do suspeito, na zona norte de Londrina, foram localizados eppendorfs (utensílios usados para armazenar droga) vazios e uma quantidade de eppendorfs cheios de droga camuflados dentro de um aspirador de pó.

As investigações sobre os casos continuam, informou a Polícia Civil.

Participaram da operação policiais civis de Londrina, Cambé e Ibiporã; policiais militares da Cia de Choque do 5º BPM; Guardas Municipais; além do Canil do Choque e da Guarda Municipal.
Redação Bonde com assessoria de imprensa
Continue lendo
Obituário

Falecimentos dos dias 15 e 16 de janeiro de 2021 em Londrina e região

16 JAN 2021 às 11h23
Confira o vídeo!

Aifu interdita bares em Londrina

16 JAN 2021 às 10h59
Confira

5 tendências tecnológicas para os aplicativos em 2021

15 JAN 2021 às 17h49
Programe-se

Calendário de vencimento do IPVA 2021 começa nesta segunda-feira

15 JAN 2021 às 17h32
Reduzir a aglomeração

Prefeitura de Londrina estabelece horário do comércio para próxima semana

15 JAN 2021 às 17h18
Investimento de R$ 80 milhões

Governador sanciona lei que altera regras das escolas cívico-militares

15 JAN 2021 às 17h02
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados