Pesquisar

Canais

Serviços

- Gustavo Carneiro/Grupo Folha
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Durante sessão

Londrina: Câmara cobra secretários municipais sobre atraso de obras

20 mai 2022 às 08:20
Continua depois da publicidade

A lista de obras atrasadas em Londrina foi pauta principal da sessão desta quinta-feira (19) da Câmara Municipal. Atendendo a convite dos vereadores, os secretários de Gestão Pública, Fábio Cavazotti, e de Obras, João Verçosa, foram ao Legislativo explicar os motivos de tanta demora e extensão dos prazos dados às empresas.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Uma das primeiras a falar, Mara Boca Aberta (Pros), usou reportagens da FOLHA para criticar pontualmente o atraso dos postos de saúde do Vivi Xavier, na zona norte, na Vila Brasil, área central, e no distrito de Lerroville. Todas são de responsabilidade da empresa N. Ferreira dos Santos, de Mauá da Serra (PR).

Continua depois da publicidade


Depois de dois anos, a UBS da Vila Brasil foi entregue no começo do ano após uma série de intercorrências. A terceirizada anterior abandonou a obra com apenas 35% de execução e a Prefeitura de Londrina lançou um novo edital.


O prazo definido em contrato não foi cumprido e a administração municipal concedeu duas prorrogações, sem alterar o valor. As unidades básicas de Lerroville e do Vivi Xavier também estão com o cronograma atrasado. 


“Essas obras estão indo aos trancos e barrancos. Reconheço que a empresa não tem estrutura para reformar tudo ao mesmo tempo, mas foi ela que ganhou as licitações. Estávamos quase rescindindo o contrato, mas demos outra chance em um aditivo de 45 dias”, admitiu Verçosa. 

Continua depois da publicidade


Continue lendo na Folha de Londrina.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade