09/08/20
28º/15ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Hatchs off-road

HB20X e Fiat Argo Trekking são as novidades entre os aventureiros

Opções mais acessíveis a quem gosta do estilo fora de estrada, mas não pode ou não quer ter um SUV, os hatchs aventureiros ganharam dois novos concorrentes nos últimos meses. De um lado está o Hyundai HB20X, versão metida a lameira do compacto que chegou à segunda geração no ano passado e recebeu um visual ao menos polêmico. A versão X recebeu plásticos exageradamente grandes e ao contrário do que possa parecer, o resultado ficou harmônico.

Divulgação / Hyundai
Divulgação / Hyundai


O aventureiro, no entanto, ficou sem o eficiente motor 1.0 turbo dos HB20 urbanos e é vendido somente com o antigo 1.6 16v de até 130 cv. O câmbio pode ser manual ou automático . Anda bem, mas o consumo cobra o preço pelo esquecimento. No teste do Agora, a média com álcool ficou em 8,5 km/l. O sedã HB20S, mais pesado, fez 9,5 km/l em dezembro.

Divulgação / Hyundai
Divulgação / Hyundai


Por dentro, o Hyundai é mais esportivo do que lameiro. O painel preto tem detalhes em vermelho nas saídas de ar e em detalhes dos bancos de couro da versão mais cara. Há bom espaço e o acabamento é caprichado. Faltou o conforto do ar-condicionado automático, mas pelo menos os comandos podem ser digitais.

Ponto positivo para a oferta dos airbags laterais, embora eles só existam na segunda versão mais cara, a Diamond. Os preços vão de R$ 67.890 a R$ 77.790.

FIAT ARGO TREKKING

Do outro lado temos o Argo Trekking. A versão aventureira do compacto da Fiat já existia com motor 1.3, mas recebeu o motor 1.8 e o câmbio automático de seis marchas recentemente.

Divulgação / Fiat
Divulgação / Fiat


Conta com um visual mais discreto com plásticos menores, embora conte com mais adesivos. Se dá melhor em uma voltinha por uma estrada de terra por ter pneus de uso misto. Ao volante, não se sobressai diante do rival. O motor de 139 cv é pouca coisa mais rápido e tão beberão quanto, fazendo 8,2 km/l.

Divulgação / Fiat
Divulgação / Fiat


A lista de equipamentos também são parelhas. Começa básico em R$ 69.990 e vai ganhando equipamentos como chave presencial, câmera de ré e bancos de couro conforme a lista de opcionais for crescendo. Ele não é dividido em versões.

Completo, o Argo sai por R$ 77.840 com o ar automático, mas sem os airbags nas laterais.
Folhapress
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Conteúdo relacionado:
Contramão do mercado
Nova Chevrolet Tracker mantém vendas em alta, mesmo na pandemia
Desafios e incertezas
Crescimento do mercado de carros elétricos revela novos riscos
Lançamento
Toyota Hilux 2021 é apresentada com visual repaginado e motor 2.8
Continue lendo
Crise na pandemia
Produção e desemprego na indústria automotiva crescem em julho
07 AGO 2020 às 11h38
Mudou
Pessoas com deficiência têm novas regras para comprar veículos
06 AGO 2020 às 11h43
Atualizada
Nova Chevrolet S10 chega ao mercado conectada com o futuro
05 AGO 2020 às 11h05
Qualidade
Entenda o que muda com a nova especificação da gasolina
04 AGO 2020 às 08h52
Dica de manutenção
Como identificar desgaste no braço de direção do seu carro
03 AGO 2020 às 11h13
Dica de manutenção
Saiba como fazer a calibragem correta dos pneus do seu carro
30 JUL 2020 às 11h49
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados