Pesquisar

Canais

Serviços

Reprodução
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Pela 3° vez

Polanski é acusado de abuso sexual

Agência Ansa
17 ago 2017 às 09:43
Continua depois da publicidade

Uma mulher identificada como "Robin" acusou nesta terça-feira (15) o diretor polonês Roman Polanski de abuso sexual quando ainda era menor de idade, há mais de 40 anos.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

A vítima disse em coletiva de imprensa na cidade de Los Angeles que foi abusada quando tinha 16 anos, em 1973. Cinco anos depois do incidente, Polanski fugiu dos Estados Unidos após ser condenado pelo estupro de outra menina.

Continua depois da publicidade


Segundo Robin, o medo do pai impediu dela ter revelado o abuso anteriormente. "Um dia depois do que aconteceu, disse a um amigo o que o senhor Polanski tinha feito comigo. A razão de eu não ter contado a ninguém é porque não queria que meu pai fizesse algo que pudesse levá-lo à prisão pelo resto de sua vida", afirmou.


Apesar disso, a advogada da mulher, Gloria Allred, contou que o caso está prescrito e que Robin não irá apresentar uma queixa civil contra Polanski.

Continua depois da publicidade


Acusações A primeira acusação de abuso sexual contra Polanski foi de Samantha Geimer, que afirmou ter sido dopada e estuprada pelo diretor quando tinha 13 anos. O cineasta admitiu o estupro e passou 48 dias sob custódia até ser liberado.

Já a segunda acusação foi feita em 2010 pela atriz Charlotte Lewis, que afirmou ter sido abusada pelo diretor em 1983, quando tinha 16 anos.


Continue lendo