30/05/20
24º/LONDRINA
|
Em 80 milhões de dólares

Família de autor de O Senhor dos Aneis processa Warner

Família reclama renda sobre venda de conteúdo digital e jogos para download estrelados por personagens e elementos da trama de 'O Senhor dos Aneis'

Familiares do falecido escritor J.R.R. Tolkien, criador de "o Senhor dos Anéis", entraram com um processo milionário contra a Warner, estúdio de "O Hobbit". Eles querem US$ 80 milhões (R$ 160 milhões) de reparação por causa de venda de conteúdo digital e jogos para download. Os controladores do espólio do escritor pedem os direitos da obra literária sobre esta renda. Eles alegam que contrato firmado entre o autor e a produtora firmado em 1967 não previa a venda deste tipo de "material on line".

Os familiares ainda reclamam que os jogos caça-níqueis estrelados por personagens e elementos da trama de "O Senhor dos Anéis" estão prejudicando a reputação dos livros de Tolkien.


Divulgação
Divulgação


Em 2009, a Warner também foi acusada de não repassar todos os direitos em torno do lucro da trilogia "O Senhor dos Anéis". A acusação partiu dos familiares de Tolkien e também da editora original dos livros, a HarperCollins. Na época, um acordo foi firmado entre os envolvidos, mas os valores não foram divulgados.

A estreia mundial de "O Hobbit: Uma Jornada Inesperada" está prevista para 14 de dezembro. A produção também foi acusada de maus tratos e por 27 mortes de animais durante o período de filmagens.

"O Hobbit: Uma Jornada Inesperada" é o primeiro filme da nova trilogia do diretor Peter Jackson passada no mundo de "O Senhor dos Anéis".
Redação Bonde
PUBLICIDADE
Continue lendo
Discussão!
Ex-CQC chama Danilo Gentili de 'covarde' e 'galinha frouxa'
15/10/2017 17:53
Polêmica
Abusos sexuais de Harvey Weinstein eram permitidos por seu contrato2
15/10/2017 15:19
Veja mais e a capa do canal
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados