Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

O barato sai caro...

24 jun 2013 às 16:57
Continua depois da publicidade

Acredito que seria mais seguro dizer que todos nós somos culpados de ter um dia comprado produtos a preço de banana. Você deve ter visto o grande anúncio de liquidação de sapatos. Lá estavam eles, preços especiais, só por um dia, queima total, redução para balanço, magnífica liquidação. Nunca antes na história foi oferecida pechincha maior.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Naturalmente é mais do que uma mulher pode resistir. E você vai à loja, calça aqueles magníficos sapatos e, embora você use 36 e os sapatos sejam 35, você começa a achar justificativa. Eles vão ceder com o uso, e embora sejam extremamente desconfortáveis quando você tenta aqueles cinco ou seis passos na loja, mesmo vendo que são apertados, a tentação de comprar uma pechincha dessas é demais para você. Além disso, os sapatos têm exatamente a cor que combina com sua roupa nova.

Continua depois da publicidade


Você paga e sai da loja com um par de sapatos que custaria muito mais caro. São tão bonitos que só vai usá-los na festa de lançamento do novo produto da empresa. Chegado o grande dia, você calça os sapatos e seus pés começam a reclamar, mas você resolve ir mesmo assim, afinal são tão bonitos e foram comprados por uma pechincha. Foi um preço bem alto para usar somente uma vez. Pergunta: não teria sido melhor você pagar o preço normal por um par de sapatos do tamanho certo e usá-los por meses e meses?


É aquele velho ditado. Quase sempre o barato sai muito mais caro. Quando lhe indagarem sobre seu produto, que o mesmo está com o preço acima do mercado pergunte a pessoa que está comprando, se ela está preocupada com preço ou com custo. O preço é de uma vez só, o custo é algo com que vai se preocupar todo o tempo que tiver o produto.

Continua depois da publicidade

Vou exemplificar melhor, comprar um carro usado com um preço bem melhor, as vezes não vale a pena. Pois com o passar do tempo você pode precisar fazer tantos consertos, tantas trocas que a diferença não valerá a pena. Será melhor pagar o preço justo e encerrar o assunto, do que continuar pagando pequenos custos sempre.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade