22/09/20
°/°
Para seduzir

Lingerie certa valoriza seu corpo e enlouquece os homens; saiba como escolher

Bem escolhida, a roupa íntima realça suas curvas, disfarça pontos negativos e ainda causa alvoroço entre quatro paredes

Não é de hoje que os homens têm fetiche por uma bela lingerie. Rendas, transparências, poás e babados podem tornar qualquer roupa íntima ainda mais sedutora. Quando bem escolhida, a roupa íntima realça as curvas e delineia o corpo valorizando os pontos positivos. Além disso, um conjunto de lingerie caprichado é capaz de elevar qualquer autoestima, mesmo daqueles que às vezes se sentem um pouco fora de forma. Isso porque a grande variedade de modelos e estilos permite usar peças que se adequem ao seu corpo, disfarçando pequenas imperfeições.

Para acertar na escolha da lingerie, o segredo é levar em conta sua estrutura física, a cor da pele e o estilo pessoal. Você tem que soar natural mesmo dentro de uma peça poderosa e cara. Há uma imensa variedade de cores, tecidos, modelos, com enchimentos, alças removíveis, costuras diferenciadas e até mesmo peças sem costura. Os artifícios para chamar a atenção das mulheres são diversos, mas de nada adianta comprar uma lingerie bonita se ela não for adequada para você. Quer um exemplo? Não adianta usar um sutiã sexy com estampa animal print, mas com numeração menor do que a sua. Ele vai causar marcas no seu corpo e apertar os seios, o que, além de desconfortável é deselegante.


Divulgação
Divulgação


A lingerie ideal precisa se moldar perfeitamente ao seu corpo e acima de tudo, ser confortável. Além disso, as peças precisam combinar com a sua personalidade e com a ocasião. Existem peças básicas para se usar no dia a dia, e as mais ousadas, ideais para ocasiões especiais. Com relação às cores, a oferta é inesgotável. Por isso é bom saber que o contraste do tecido com a pele costuma causar alvoroço.

Divulgação
Divulgação


Para arrasar...

No Brasil, as peças preferidas são as menores, sendo o fio-dental o campeão absoluto. Segundo empresários do setor, as microcalcinhas não são aceitas por todas as mulheres, mas têm efeito avassalador entre quatro paredes. Mas se você não se sente em forma para usar este modelo, há inúmeras outras possibilidades para deixar seu parceiro 'babando'. Afinal, para ser sensual você não precisa ser uma Juliana Paes ou a Gisele Bündchen. Diante de tantas opções de lingerie, dá para ficar sexy usando um hobby de cetim ou um sunquini, por exemplo.

Divulgação
Divulgação


Corpetes e tangas com detalhes transparentes também tiram qualquer um do sério. O jogo de esconde e mostra é simplesmente irresistível e atiça a imaginação masculina. Para transmitir poder, vá de preto. Calcinhas e sutiãs brancos ou claros remetem à ingenuidade das moças. Vinhos e vermelhos são para as ousadas e cheias de más intenções. Se a ideia é fazer a linha pin-up, opte por um espartilho. Se a ideia é ousar, aposte no sutiã privê, que deixa os mamilos à mostra, e é uma opção mais apimentada.

Divulgação
Divulgação


Para não errar ao...

Apostar no espartilho: é verdade que o espartilho modela a cintura e deixa o corpo mais bonito. Porém você precisa comprar a peça do tamanho certo – ou as gordurinhas vão saltar aqui e ali.

Arriscar um fio-dental: se a ideia é surpreender com um belo fio-dental ao fim da noite, você pode levá-lo numa nécessaire. Pode ser bem desconfortável se jogar numa pista de dança ou relaxar durante um jantar com uma peça tão apertadinha.

Ousar com peças vermelhas: nem todos os homens curtem lingerie vermelha. Segundo um estudo publicado no site do jornal inglês "Telegraph", a cor assusta boa parte da ala masculina. Vale sacar o gosto do gato antes de fazer a diabinha.

Usar animal print: preferia as peças mais modernas e com estampas em detalhes estratégicos. Lacinhos coloridos "quebram" o peso das oncinhas e zebrinhas. Pegue leve na maquiagem e use salto alto.

Divulgação
Divulgação


Desfilar de sunquini: o sunquini é uma graça. De quebra, disfarça o culote e modela o bumbum. Para não ficar com cara de "vovó", evite tons de bege e ouse nas estampas. Vale brincar com desenhos lúdicos e citações divertidas.

A cor certa para...

Ele ficar de quatro por você - Preta

Destacar o corpão bronzeado – Branca

Brincar de namoradinha inexperiente – Rosa claro

Botar fogo na noite de vocês - Vermelha

Bancar a fina até na cama - Nude

Transmitir jovialidade e descontração - Animal Print

O sexo rolar mais quente do que nunca - Fio-dental

Virar uma deusa e fazê-lo cair aos seus pés - Tipo espartilho

Diferentes biotipos

Atualmente, existe uma variedade de calcinhas e sutiãs para todos os biotipos femininos e, para ajudar as mulheres a escolherem quais os melhores modelos, Newton Oliveira, designer de moda da Sapeka Lingerie, ensina quais as lingeries mais indicadas para cada tipo de corpo. Anote:

Corpo pêra (seios pequenos, ombros menores que quadril e cintura fina)

Para mulheres que querem disfarçar o quadril, a calcinha mais indicada é a caleçon, que possui a lateral larga e cobrem quase o bumbum inteiro. "Elas são extremamente confortáveis, deixam a mulher mais segura e ainda são sensuais", diz Newton Oliveira. "Esse tipo de calcinha é exatamente o contrário das calcinhas com laterais de tiras, estilo string - que não são indicadas para mulheres com o quadril largo, pois evidenciam essa parte do corpo", completa o designer.

Corpo oval (cintura larga e arredondada)

Peças como corsets, espartilhos e bodys cumprem exatamente a função de modelar e afinar a cintura da mulher. "A principal característica do corpo oval é a cintura arredondada, por isso, a dica fundamental é que a mulher opte por peças que forneçam firmeza e também modelem seu corpo", diz o designer. Corsets e espartilhos, que vão até a base do quadril, são os grandes aliados. Já na hora de escolher os bodys, Oliveira recomenda os que possuam a cava das pernas mais altas.

Corpo triângulo invertido (costas largas, seios grandes, bumbum e quadril pequeno)

Quem possui o corpo de triângulo invertido tem que chamar atenção na cintura e no quadril. Para isso, é necessário evitar sutiãs com enchimentos e estampas maiores. O designer da Sapeka indica o sutiã meia taça, para os seios maiores, e calcinhas com babados e lacinhos, para aumentar a região do quadril. "Na região dos quadris e bumbum, os detalhes e estampas maiores são bem vindos", completa.

Além da calcinha string já citada acima, outra peça que pode deixar o quadril um pouco mais em evidência é a estilo tanga. "Ela forma uma diagonal no bumbum da mulher e é justamente isso que valorizada o quadril", completa.

Corpo retangular (seios e cintura reta, na mesma linha do quadril)

O chamado corpo retangular é caracterizado pela cintura reta. Por isso, é preciso que a mulher use calcinhas com detalhes nas laterais para que destaque a cintura e o quadril, realçando suas curvas. "Calcinhas com rendas, coloridas, babados e lacinhos dos lados são uma boa pedida", afirma. Já para as mulheres que desejam valorizar e destacar os seios, os sutiãs com bojo são a escolha. "A mulher também pode optar por rendas e bordados no sutiã, tudo para dar mais volume na parte de cima do corpo", indica Oliveira.

Corpo ampulheta (quadril na mesma linha dos ombros, cintura fina e seios grandes)

Para esse tipo de corpo, se os seios grandes não forem incômodos para as mulheres, elas podem apenas valorizar as curvas que já possuem. "Esse tipo de corpo não precisa de atenção para o quadril, pois ele está alinhado com os ombros. O que recomendo é um sutiã meia taça, sem bojo ou sem enchimento, e com estampas grandes", finaliza Oliveira. (Com informações do IG Delas)



Redação Bonde
Continue lendo
Igreja católica
'Eutanásia é crime contra a vida', afirma Vaticano
22 SET 2020 às 09h54
Fofura!
Bebê dorme em cima de violão enquanto pai toca música sertaneja
22 SET 2020 às 09h15
Veja como
Sobrancelhas penteadas pra cima é o look que você quer ter
22 SET 2020 às 08h59
Saiba mais
Brasileiro é premiado no IgNobel com pesquisa sobre beijo e desigualdade
22 SET 2020 às 08h48
Conheça a história
Pequeno gigante: criança ressalta que sua deficiência não é motivo para tristeza
21 SET 2020 às 15h17
Saiba mais
Crianças que presenciam violência policial podem desenvolver estresse pós-traumático
21 SET 2020 às 09h52
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados