Pesquisar

Canais

Serviços

- Pixabay
Saiba mais

Você sabe o que é karma? Entenda o conceito e suas 12 Leis

WeMystic Brasil
19 ago 2021 às 11:22
Continua depois da publicidade

Você provavelmente já ouviu alguém dizer que tem um karma ruim, ou que a lei do karma se voltará contra determinada pessoa. Mas além do bem e do mal, karma é um conceito que precisa ser esmiuçado; seja em termos mais práticos, ou em essência.

Continua depois da publicidade


Karma é um termo coloquial utilizado quando você deseja ou age mal com alguém, e algo na mesma intensidade ocorre com você. Entretanto, sob uma perspectiva espiritual, karma é a energia que provém dos seus pensamentos e ações, a qual pode ser boa ou ruim. Portanto, desmistifique isso! O karma também pode ser positivo.

Continua depois da publicidade


Não há relação com destino, justiça divina ou punição, mas sim com um estilo de vida mais consciente e focado. Karma pode ser interpretado sob um caráter mais orientador, e que pode ser visto como um "manual” de ética e moralidade.


Não existe karma ruim quando estamos diante de suas leis. Afinal, existem 12 regulamentos dessa energia, e não apenas uma, a da causa e efeito. Compreenda que o karma não necessariamente vai adicionar ou reduzir pontos no seu score de vida.

Continua depois da publicidade


Autorreflexão, motivação, responsabilidade e ambição são apenas alguns exemplos dos valores que o karma nos ensina. E a seguir você verá quais são suas leis, e como aplicá-las na vida cotidiana.


1. A Grande Lei do Karma


"Para cada ação, há uma consequência”.


Como seu próprio nome sugere, a primeira lei também é a principal e a mais conhecida, e implica que boas ações têm consequências positivas e más ações também recebem um efeito contrário. Podemos compará-la à lei da atração, em que semelhante atrai semelhante.


Basicamente, aquilo que você oferece, é exatamente o que recebe em troca. Se deseja amor, ofereça amor; se deseja honestidade, seja honesto, igualmente.


2. A Lei da Criação


"Você só poderá mudar a sua vida perante uma ação”.


Nesta lei, o conceito afirma que você deve investir tempo e esforço, ativamente, se quiser obter aquilo que deseja. Não é possível ter uma vida plena e feliz apenas esperando que as coisas aconteçam por si só.


Se você é uma pessoa que vive insatisfeita com a sua realidade, olhe ao redor, observe o que precisa ser mudado, e faça a sua parte.


3. A Lei da Humildade


"Você precisa aceitar algumas coisas, se quiser alterá-las”.


Você deve ser humilde, em ações e pensamentos, se quiser aceitar os próprios erros e fraquezas. Afinal, você só poderá mudar de direção na vida se estiver pronto para lidar com as verdades que surgirão em seu caminho.


A autorreflexão é um processo que pode lhe ajudar a chegar mais próximo da plenitude desta lei.


4. A Lei do Crescimento


"Você precisa mudar a si mesmo, antes de mudar o ambiente ao seu redor”.


A chave para o crescimento está em suas mãos, porque cada pequena mudança parte de você. Se deseja mudar algo na sua vida, comece por si mesmo.


Existem coisas que você pode mudar e outras que você deve apenas aceitar. E no fim das contas, a única coisa que está sob o seu controle são as suas ações e pensamentos. A forma como você lida com esse controle é o que determina a maneira como o ambiente se transformará ao seu redor.


Mantenha o foco no seu próprio desenvolvimento, antes de querer mudar o próximo.


5. A Lei da Responsabilidade


"Seja responsável pelas coisas que você criou, boas ou más”.


Você é o único responsável por tudo o que acontece em sua vida, pois é você quem decide a respeito das pessoas que o cercam e os locais em que deseja estar. Não importa se o resultado é positivo ou negativo.


Os erros são tão importantes quanto os sucessos que você comemora. E, para falar a verdade, você aprende mais com os erros. O que acontece ao seu redor é um reflexo do seu interior.


6. A Lei da Conexão


"Passado, presente e futuro estão conectados”.


Assim como na Grande Lei, a Lei da Conexão sugere que tudo na vida está conectado. Cada ação, por menor que seja, tem um efeito sobre você e o ambiente ao seu entorno.


A lei também diz que passado, presente e futuro estão intimamente ligados. Portanto, para assumir o controle sobre o presente ou futuro, você deverá remover o "karma ruim” do passado.


7. A Lei do Foco


"Concentre-se na sua ação presente, para realizá-la da melhor maneira possível”.


Você só consegue se concentrar em uma coisa de cada vez, não importa o quanto diga que você é multitarefas. E é importante ter ciência disso, porque uma mente dividida é mais suscetível a pensamentos negativos — e à energia negativa.


Trabalhar a atenção plena (ou mindfulness) e a meditação são boas formas de exercitar e melhorar o seu foco.


8. A Lei da Doação e da Hospitalidade


"Seu comportamento deve ser compatível aos seus pensamentos e ações”.


A lei da doação e da hospitalidade diz que se você acredita em algo, terá de provar a sua fé nisso em algum momento da vida.


Suas ações devem ser condizentes com os seus pensamentos. Portanto, você deve doar e compartilhar por convicções internas e não por fatores externos. Por exemplo, se você faz caridade é porque quer ajudar alguém, e não porque quer ganhar o apreço de outras pessoas.


9. A Lei do Aqui e Agora


"Você não pode estar presente no agora enquanto olha para o passado”.


Esta lei desaconselha olhar para trás ou demasiadamente para o futuro, encorajando a existir e apreciar o momento presente.


Assim que você se concentrar no momento presente, poderá decidir que caminho deseja seguir. Embora a Lei da Conexão diga que o passado está conectado ao presente e ao futuro, não é aconselhável planejar o amanhã olhando para eventos que já se foram. Os velhos hábitos também lhe impedem de criar novas rotinas.


10. A Lei da Mudança


"O passado se repete até que você aprenda com ele e assuma uma nova direção”.


Se você não está feliz com seu passado, aprenda com ele se quiser seguir por um outro caminho — só então você conseguirá determinar um futuro melhor.


Você precisa extrair as lições certas do seu passado para mudar definitivamente o futuro. Se o ambiente ao seu redor muda de forma drástica ou profunda, é uma indicação de que você está no rumo certo para o crescimento pessoal.


11. A Lei da Paciência e da Recompensa


"Recompensas de longo prazo exigem paciência e trabalho constante”.


Imagine que você tem dois objetivos: um de longo prazo (que vai levar vários meses) e outro de curto prazo. Nesse cenário, a sua meta mais distante seria conseguir um aumento; e a mais breve, ler 30 páginas de um livro em uma semana. Agora suponha que você consiga atingir esses dois objetivos. Qual deles lhe trará mais satisfação?


Sim, a alegria que você sentirá por conseguir um aumento será maior do que a alegria de alcançar sua meta de curto prazo. Isso é lógico, pois você trabalhou mais e mais arduamente pelo aumento. O sacrifício que você fez é maior e, portanto, você fica mais feliz com a recompensa.


12. A Lei da Inspiração e do Significado


"A recompensa é o resultado da energia e do amor que você investiu em algo”.

Você tem o que merece, e atinge o sucesso consoante a energia e o amor que deposita em algo. Além disso, cada contribuição e esforço pessoal é um investimento àquilo que o cerca.
A lei da inspiração e do significado funciona para pessoas que necessitam
de um impulso motivacional, ou que sentem que seu trabalho não faz sentido ou diferença. Entenda que qualquer contribuição sua para o mundo, por menor que seja, poderá inspirar um comportamento mais positivo — seja em você ou no próximo — e atrair prosperidade para a sua vida.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade