07/12/19
32º/19ºLONDRINA
PUBLICIDADE
Nações Unidas

FAO institui prêmio de Jornalismo para divulgar agricultura familiar

A Secretaria da Agricultura e do Abastecimento apoia a iniciativa do escritório da FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação), em Curitiba, que está lançando o 1º Prêmio Agricultura Familiar em Jornalismo, em comemoração ao Ano Internacional da Agricultura Familiar.

O prêmio visa chamar a atenção para a importância desse segmento na produção de alimentos e geração de renda no campo, disse o secretário Norberto Ortigara. No Paraná, a agricultura familiar é a base da produção de alimentos como leite, feijão, milho, aves, suínos, mel, soja, entre outros. Cerca de 85% das propriedades existentes no Estado são típicos da agricultura familiar, com menos de 50 hectares.


PRÊMIO

O prêmio foi criado para valorizar a agricultura familiar e os profissionais de comunicação que trabalham para colocá-la como elo fundamental na cadeia da sustentabilidade e segurança alimentar. Podem participar os jornalistas diplomados dos três estados da região Sul (Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina), com matérias e reportagens publicadas em veículos de circulação e veiculação periódica, no período de janeiro de 2013 a dezembro de 2014.

Os trabalhos poderão ser inscritos em três categorias: jornalismo impresso (jornais e revistas), eletrônico (rádio e televisão) e mídia digital (sites e blogs). Cada participante poderá inscrever até três trabalhos.

Serão oferecidos prêmios em dinheiro para os primeiros três vencedores em cada categoria e uma passagem para um país onde a agricultura familiar é destaque para o primeiro colocado em cada categoria.

O primeiro prêmio será contemplado com R$ 13 mil em dinheiro, mais uma passagem para um país onde a agricultura familiar contribui com o desenvolvimento sustentável. O segundo prêmio será R$ 6 mil, e o terceiro prêmio R$ 3 mil.

A premiação dos trabalhos escolhidos pela comissão julgadora, composta por jornalistas, técnicos e dirigentes indicados pela FAO, acontecerá durante cerimônia que será realizada em Curitiba, em março de 2015.

AGRICULTURA FAMILIAR

De acordo com a FAO, a agricultura familiar responde por mais de 90% das propriedades rurais no Brasil, é responsável pelo alimento consumido todos os dias por mais de 70% da população brasileira. E ainda 77% dos empregos no setor agrícola no Brasil são atribuídos à agricultura familiar.

"Com tal magnitude, o negócio familiar no campo pode, sim, acabar com a fome. Para isso, é preciso colocá-lo como prioridade no rol das políticas públicas e torná-lo mais produtivo e sustentável", afirmou Carlos Biasi, chefe do escritório da FAO em Curitiba.

De acordo com o secretário Ortigara, todas as ações e programas da Secretaria da Agricultura e de suas empresas vinculadas no Paraná estão concentrados para atender a agricultura familiar. Ele se referiu aos programas de distribuição de calcário, de óleo diesel e pavimentação de estradas rurais com pedras irregulares, que estão sendo entregues em áreas de pequenas propriedades rurais. E também ao programa de incentivo à pecuária leiteira, que visa aumentar a produção e produtividade de leite no Estado, como alternativa de gerar uma renda fixa e mensal aos pequenos agricultores.
Agência Estadual de Notícias
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
comentários
Continue lendo
Salários até R$ 2.557

Municípios do Paraná abrem processos seletivos com 516 vagas

Veja mais e a capa do canal
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE