Pesquisar

Canais

Serviços

- Reprodução/Instagram
Para ler o teleprompter

Jojo Todynho estreia talk show e diz não estar no nível de Glória Maria

Folhapress
17 jun 2021 às 14:58
Continua depois da publicidade

Jojo Maronttinni, 24, a Jojo Todynho, ressalta que cada vez mais "estamos quebrando esse tabu de que negros tem que trabalhar como domésticos da casa branca". Para ela, seu novo programa, Jojo Nove e Meia, é mais um passo para a inspiração e representatividade.

Continua depois da publicidade


"Sou uma pessoa totalmente fora do padrão e estou tendo esse local de fala", diz Todynho, funkeira carioca que emergiu com vídeos divertidos a respeito de relacionamento e autoestima.

Continua depois da publicidade


"Isso é muito importante, porque as pessoas começam a compreender que elas podem e são capazes também", acrescenta a artista, campeã da última edição do reality A Fazenda (Record) e levou prêmio de R$ 1,5 milhão. A atração de Todynho estreia nesta quinta-feira (17) no Multishow.


Inspirado no Jô Soares Onze e Meia (SBT), Todynho afirma que o programa quer trazer a leveza e a alegria que o humorista Jô Soares, 83, sempre apresentou. "Ele é Jô e eu sou Jojo, ou seja, Jô duas vezes", diz a cantora, em tom de brincadeira, sobre adaptar o bordão do apresentador e usar o "beijo da gorda" em seu talk show.

Continua depois da publicidade


Com plateia virtual e cenário inspirado no bairro carioca Bangu onde Todynho nasceu e cresceu, Jojo Nove e Meia terá oito episódios exibidos sempre às quintas-feiras, às 21h30. Ela afirma que a intenção foi criar um programa "bem leve com risada garantida", que representasse seu caráter e personalidade. "Falem bem ou falem mal, mas falem de mim."


Em conversa virtual com a imprensa, Jojo Todynho diz que os convidados do programa são pessoas com quem "tem certa convivência e afinidade". Na estreia, ela recebe a atriz Juliana Paes, 42, e ao longo da temporada conversará com Gil do Vigor, Babu Santana, Fabiana Karla, Glória Groove, Joelma, Mumuzinho e Tati Quebra Barraco.


"Ele [Gil do Vigor] é da cachorrada igual a mim, adoramos uma coisa mais quente", diz ela, ao ressaltar que se identifica muito com o ex-Big Brother Brasil. "É uma representatividade muito grande ter o Gil em grandes espaços na TV."


Ela afirma ser gratificante ver que pessoas vindas de reality shows estão conquistando mais espaços na televisão –o doutorando em economia Gilberto Nogueira é embaixador de várias marcas, como Santander, Vigor e Motorola. Ele também foi contratado pela Globo após deixar o programa de confinamento.


Nem só de entrevistas será o Jojo Nove e Meia. Ela afirma que soltará a voz com os convidados e adianta que cantou uma das músicas de Tim Maia (1942 - 1998) com Babu –o ator interpretou o cantor de "Me Dê Motivo" em filme sobre a vida do arista carioca.


Todynho diz estar apaixonada pela atração e revela que a produção começou enquanto ainda estava em A Fazenda. Ela afirma que ter participado do reality de confinamento da Record a deixou mais aberta para os comentários do público, e, se houver, usará as críticas para se aperfeiçoar para as próximas edições.


Para a apresentadora, o maior desafio foi conseguir ler o teleprompter, "ainda não estou no patamar de Glória Maria nem de Fátima Bernardes", diz ela, em tom de brincadeira, ao afirmar que a essência do programa está na sua personalidade.


"Fui de cabeça, o diretor falou para mim 'seja quem você é, vá em frente e se joga'", diz Todynho, ao reforçar que está muita ansiosa para o início do programa. "Confesso que estou toda cagada", diz ela, aos risos. A cantora afirma que pretende lançar um EP de sambas, mas ainda sem data.


Jojo Nove e Meia terá uma versão exclusiva no canal do Multishow no YouTube, o Jojo Meia Nove. Na plataforma, os telespectadores terão acesso a entrevistas da apresentadora com influenciadores, como Alvxaro, Blogueirinha, Diva Depressão, Isaias, Pequena Lô, Sarah Fonseca e Vitor DiCastro.

A apresentadora classifica a versão digital de seu programa como "quente e intimista". Para ela, a principal diferença está no quadro terapeita, no qual "as pessoas contam as lamúrias e eu dou conselhos para elas com ajuda dos convidados."


Continue lendo