Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Google anunciou

Brecha no Google Chrome permite infecção por vírus espião sem usuário clicar

Pedro S. Teixeira - Folhapress
29 nov 2023 às 18:10
- Pixabay
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O Google anunciou uma atualização emergencial para corrigir uma vulnerabilidade crítica no navegador Chrome. A brecha permite infectar o computador de usuários sem necessidade de clicar.


Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade

A falha de segurança pode ser usada para instalar programas espiões, segundo o site especializado Bleeping Computer. Por se tratar de ataques caros, essa tática é adotada por grupos hackers patrocinados por governos que miram sobretudo jornalistas e oposicionistas.

Leia mais:

Imagem de destaque
Trend do momento

'Calma, calabreso', meme que causou treta no BBB 24, vira fantasia no Carnaval de rua

Imagem de destaque
Eita!

Conversa de WhatsApp com funcionários da Jovem Pan vaza no ar e surpreende espectadores

Imagem de destaque
Criminalidade

Brasileiros criam e exportam vírus que desvia transferências em mais de 60 bancos

Imagem de destaque
Mais fake news

Publicações em redes sociais indicam ivermectina contra dengue; não há eficácia comprovada


"O Google está ciente da existência de uma falha chamada CVE-2023-6354", diz relatório de segurança do gigante das buscas. De acordo com publicação em blog, a empresa não vai divulgar detalhes do bug até que a maioria dos usuários sejam capazes de atualizar seus navegadores e corrigir a brecha.

Publicidade


O grupo de análise de ameaças (TAG, em inglês) do Google encontrou a vulnerabilidade na biblioteca para desenvolvimento de gráficos Skia, usada também no sistema operacional Android. A empresa não confirma se a brecha pode afetar também produtos além do Chrome.


O bug atingiu navegadores de usuários de Windows, Mac e Linux.

Publicidade


A reportagem checou que a atualização de segurança já está disponível. Para manter seu computador na versão mais recente, siga estes passos:


- Acesse mais opções no botão no canto superior direito do navegador ("...")

Publicidade

- Acesse o menu de configurações 

- Clique na opção "Privacidade e segurança" no menu à esquerda 

Publicidade

- Clique em "instalar atualizações" nas opções de confirmação de segurança 

- Depois de baixados os pacotes, aceite a indicação para reiniciar o Google Chrome.  


Segundo o Google, pode demorar alguns dias ou semanas até todos os usuários terem acesso a correção do problema.


O Google encontrou ao longo de 2023 seis brechas chamadas de "zero-day", segundo o Bleeping Computer. Trata-se de vulnerabilidades que permitem infecção por vírus sem a necessidade de o usuário clicar em algo ou instalar um programa. Quando o criminoso envia um arquivo ao alvo, o malware se instala automaticamente.


Imagem
"WhatsAppite": já ouviu falar? Ortopedista detalha causas, sintomas e tratamentos
A tendinite é a lesão mais comum do esforço repetitivo.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade