Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Sem querer...

Adriano escapa de punição por gol com o braço

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O atacante Adriano não será punido por ter marcado um gol com o braço direito na vitória por 2 a 1 da Inter de Milão sobre o Milan, no clássico disputado no último domingo. A comissão disciplinar da Lega Calcio, que organiza o Campeonato Italiano, disse que não conseguiu encontrar provas de má intenção do jogador ao analisar o lance em videotape.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

No lance, que resultou no primeiro gol da partida, Adriano recebeu cruzamento da direita e tentou cabecear, mas apenas resvalou na bola, que bateu em seu braço e foi em direção ao gol, sem defesa para o goleiro Abbiati. O jogador negou que tenha usado o braço intencionalmente, e sua alegação foi aceita pelos dirigentes.

Continua depois da publicidade


Em outubro, um caso envolvendo o atacante Gilardino, da Fiorentina, teve solução diferente: a comissão disciplinar considerou que o jogador teve a intenção de usar a mão para marcar um gol, na vitória por 3 a 1 sobre o Palermo, e o suspendeu por dois jogos.

É o segundo gol polêmico que entra no currículo de Adriano. No ano passado, jogando pelo São Paulo, ele marcou com a mão direita na vitória por 2 a 1 sobre o Palmeiras, pelas semifinais do Campeonato Paulista, e também não foi punido na ocasião.


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade