Pesquisar

Canais

Serviços

- Divulgação/UEFA
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Sentimento especial

Amauri volta a falar em jogar pela seleção da Itália

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O atacante brasileiro Amauri, da Juventus, voltou a falar em defender a seleção italiana num futuro próximo, assim que conseguir obter a cidadania do país. Em entrevista publicada nesta segunda-feira pelo jornal Gazzetta dello Sport, ele disse que seria uma forma de mostrar sua gratidão com a Itália, onde apareceu para o futebol.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

"Se eu jogar pela seleção italiana não será um cálculo sobre minha carreira, mas porque é um sentimento especial. Estou na Itália há 10 anos e este país me deu tudo. Vestir a camisa da Azzurra seria uma retribuição", afirmou o jogador de 28 anos, que é paulista de Carapicuíba e nunca atuou por nenhum time profissional brasileiro, mas já jogou por Napoli, Bellinzona, da Suíça, Piacenza, Messina, Chievo e Palermo, antes de chegar à Juventus, em julho do ano passado.

Continua depois da publicidade


Amauri já falou também em defender a seleção brasileira, e chegou a ser convocado pelo técnico Dunga para o amistoso contra a própria Itália, no mês passado, em Londres, mas a Juventus vetou sua apresentação, alegando que a convocação aconteceu fora do prazo. "Vocês saberão de minha escolha num futuro breve", afirmou.

No domingo à noite, em mesa-redonda numa emissora de TV italiana, o técnico da seleção, Marcelo Lippi, preferiu não falar sobre o atacante. "Ele é um grande jogador, mas por enquanto é um jogador brasileiro, e eu só falo sobre italianos", desconversou o treinador, que em outras ocasiões já havia falado em convocar Amauri.


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade