Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Após 2 a 2

Atlético-PR estuda fazer protesto contra arbitragem

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

O Atlético Paranaense deixou bem claro após o empate por 2 a 2 com o São Paulo, neste domingo, que se sentiu prejudicado pela arbitragem da partida no Morumbi. O técnico Geninho e o presidente Marcos Malucelli reclamaram principalmente de um impedimento no gol de André Lima, o segundo do time paulista e que valeu a igualdade no placar. Com a insatisfação geral, foi cogitada até a possibilidade de a equipe atleticana fazer um protesto formal na CBF.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Mas tudo ainda deve ser decidido na noite desta segunda-feira, quando Malucelli prometeu se reunir com o Conselho Administrativo do clube para tomar uma posição. A ideia do Atlético é protestar na CBF contra o árbitro Wilton Pereira Sampaio e também contra o auxiliar Marrubson Melo Freitas, que deixou de marcar o impedimento no segundo gol são-paulino - no momento do passe de Hugo, André Lima estava um pouco à frente da zaga atleticana.

Continua depois da publicidade

Além do lance que originou o gol de empate do São Paulo, o Atlético também reclama de um pênalti não marcado em Marcinho, ainda com três minutos de jogo. Na jogada, o zagueiro Miranda chega atrasado e acaba se chocando com o meia na área, sem conseguir atingir a bola.


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade