Pesquisar

Canais

Serviços

- Divulgação/Facebook
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
'É personalizada'

Boca Aberta nega que vista camisa pirata do LEC

Luís Fernando Wiltemburg
Grupo Folha
17 set 2019 às 17:23
Continua depois da publicidade

Após figurar em um boletim de ocorrência registrado pela perturbação provocada pelo caminhão de som "Fred Kruhger” em frente ao Estádio do Café, no sábado (14), o deputado federal Emerson Petriv, o Boca Aberta (Pros), negou que incentive a pirataria vestindo camiseta falsificada do Londrina Esporte Clube, conforme acusação do presidente da agremiação, Cláudio Canuto.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

O imbróglio ocorreu no jogo entre Londrina Esporte Clube e o Coritiba – o time da casa levou a melhor, de virada, vencendo o visitante por 2 a 1.

Continua depois da publicidade


O parlamentar, notório pelas polêmicas em que se envolve, diz que os trajes são personalizados, não trazem o escudo do time londrinense e existe até uma versão em cor-de-rosa, em alusão às mulheres e ao Outubro Rosa. A camiseta, apesar de ter as cores branca e azul na mesma tonalidade do uniforme do LEC, tem um coração com um tubarão branco e quatro pés de cafés bordados na altura do brasão. "É o escudo que faz a exclusividade [das camisas do time]”, justifica.


O traje "personalizado” também traz a notória boca com a língua de fora do grupo de rock britânico Rolling Stones no lugar do "o” de seu apelido, estampado na altura do estômago. O deputado diz que já distribuiu mais de três mil camisetas cujo brasão ele criou e mandou estampar.


LEIA MAIS:

Boca Aberta avisa que "Fred Kruhger" vai voltar ao Estádio do Café

Continua depois da publicidade

LEC registra boletim de ocorrência contra Boca Aberta


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade