Pesquisar

Canais

Serviços

Lucas Figueiredo / CBF
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Melhores Momentos

Brasil vence de virada com três gols de Neymar, dois pênaltis e VAR

Folhapress
14 out 2020 às 08:12
Continua depois da publicidade

Em seu primeiro teste real na caminhada rumo à Copa do Mundo do Qatar, a seleção brasileira mostrou poder de reação e venceu de virada o Peru por 4 a 2 nesta terça-feira (13) em Lima, pela segunda rodada das Eliminatórias.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Neymar, três vezes, e Richarlison marcaram os gols brasileiros do 50º jogo de Tite no comando da equipe nacional.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Veja os melhores momentos da partida:



Com os três que anotou na capital peruana, Neymar chegou a 64 com a camisa do Brasil e superou a marca de Ronaldo como segundo maior artilheiro da seleção na história. O camisa dez fez questão de comemorar imitando o gesto característico do Fenômeno. Pelé, com 77 gols, lidera a lista de goleadores.


A princípio, até o início da noite desta terça, a partida só seria exibida pelo EI Plus, serviço de streaming do Esporte Interativo, e por El Canal del Fútbol, no YouTube, este em língua espanhola. Ambas as opções necessitam o pagamento de assinatura.

Continua depois da publicidade


O secretário-executivo do Ministério das Comunicações, Fabio Wajngarten, havia afirmado pela manhã que enviou um pedido de autorização à CBF (Confederação Brasileira de Futebol) para que o jogo fosse transmitido pela TV Brasil.


Após a manifestação de Wajngarten, a CBF disse que não seria possível realizar a transmissão porque os direitos pertencem a uma empresa designada pela entidade que comanda a seleção mandante, neste caso a Federação Peruana de Futebol, para a negociação dos pacotes de jogos das eliminatórias.


Entretanto, faltando pouco mais de uma hora para a bola rolar, a própria CBF anunciou um acordo para a exibição da partida tanto em seu site oficial como na TV Brasil. De acordo com a instituição, que não tornou públicos os detalhes do negócio, a compra dos direitos não pôde ser repassada a uma TV aberta.


Durante o jogo, a equipe da TV Brasil mandou mensagens de agradecimento ao presidente da CBF, Rogério Caboclo, ao secretário Fabio Wajngarten, além de um "abraço especial" ao presidente da República, Jair Bolsonaro.


PERU
Pedro Gallese; Advincula, Zambrano, Luis Abram, Trauco; Renato Tapia (Cueva), Pedro Aquino, Yotún; Christofer Gonzáles (Miguel Araujo), Carrillo, Farfán (Andy Polo). T.: Ricardo Gareca


BRASIL
Weverton; Danilo, Marquinhos (Rodrigo Caio), Thiago Silva, Renan Lodi (Alex Telles); Casemiro, Douglas Luiz; Philippe Coutinho (Everton Ribeiro); Richarlison, Roberto Firmino (Éverton Cebolinha), Neymar. T.: Tite

Estádio: Nacional de Lima, no Peru
Juiz: Julio Bascuñan (CHI)
Cartões amarelos: Renato Tapia, Christofer Gonzáles (Peru)
Cartão vermelho: Zambrano (Peru)
Gols: Carrillo, aos 5min do primeiro tempo, e Tapia, aos 13min do segundo tempo (Peru); Neymar, aos 27min do primeiro tempo, aos 37min e aos 48min do segundo tempo, e Richarlison, aos 19min do segundo tempo


Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo