Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Libertadores

Conmebol multa San Lorenzo por ato racista de torcedora contra palmeirenses

UOL/Folhapress
29 mai 2024 às 08:50
- Reprodução
Publicidade
Publicidade

A Conmebol comunicou que o San Lorenzo será multado pela conduta de uma torcedora em direção à torcida do Palmeiras durante embate pela 1ª rodada da Copa Libertadores, em 3 de abril.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Enfrentamento ao rascismo

Futebol será dividido entre antes e depois da condenação por ataques racistas contra Vini Jr., dizem especialistas

Imagem de destaque
Chances

Zubeldía vê jovens como opções, e base do São Paulo 'ressurge' após Carpini

Imagem de destaque
E Barcelona

Corinthians se espelha no Real Madrid por reformulação

Imagem de destaque
Treino antes de amistoso

Dorival dá pista de Endrick no banco em treino da seleção brasileira

A multa será no valor de U$ 120 mil (R$ 619 mil na cotação atual). A quantia será debitada automaticamente de valores que o San Lorenzo tem a receber da Conmebol.

Publicidade


O San Lorenzo precisará exibir mensagens com a frase "Chega de Racismo" em cartazes e no telão de seu estádio. A campanha também será estendida às redes sociais do time. O clube argentino, 2º colocado em sua chave, encerrará sua participação na fase de grupos na Copa Libertadores justamente contra o Palmeiras, nesta quinta (30). Portanto, não se sabe quando será o próximo jogo por competição continental no El Nuevo Gasómetro.


A Conmebol comunicou que pode fechar parcialmente ou totalmente o estádio em caso de reincidência. O clube tem sete dias para apresentar recurso contra a multa.


Uma torcedora foi flagrada imitando macaco em direção a torcedores palmeirenses. Vídeo mostrando a provocação de cunho racial começou a circular nas redes sociais no dia seguinte à partida.


O San Lorenzo prometeu investigar e punir a torcedora em questão. Em nota oficial publicada no dia 5 de abril, o clube argentino repudiou o ato, afirmando que "não endossa, ratifica nem compartilha de atitudes como as ocorridas".


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade