Pesquisar

Canais

Serviços

- Divulgação
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Mercado da bola

Corinthians busca centroavante e conversa com Cavani, mas tem outros alvos

14 dez 2021 às 14:18
Continua depois da publicidade

O Corinthians tem encarado as conversas sobre o uruguaio Edinson Cavani com restrições. O clube sabe que a contratação do atacante de 34 anos é difícil, mas tem mantido contatos regulares com o irmão e representante do atleta, Walter Gugliemone.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Continua depois da publicidade

O interesse do time alvinegro por Cavani foi divulgado pelo canal no YouTube do jornalista Samir Carvalho.
Nesta terça-feira (14), o diretor de futebol corintiano, Roberto de Andrade, afirmou que a prioridade do time para 2022 é a busca por um camisa 9, mas foi cauteloso ao falar do uruguaio.


"Não tivemos nenhum contato com o Cavani, muito menos com o Suárez. Mas não podemos subestimar o Corinthians. Quando saiu a conversa sobre o Willian, todo mundo falava que era impossível pelo que ele ganhava na Europa, e deu certo", afirmou o cartola.


Não é a primeira vez que o Corinhtians se interessa pelo centroavante. Em anos anteriores, quando Cavani sinalizava a possível saída do Paris Saint-Germain (FRA), seu irmão já havia recebido consultas, mas nada aconteceu pela inviabilidade econômica da transação e pela vontade do artilheiro em continuar na Europa.

Continua depois da publicidade


O Corinthians sabe que economicamente a contratação de Cavani é inviável. Ele se encaixa na descrição do ex-presidente Andrés Sanchez que, ao fechar acordo com Ronaldo, no final de 2008, disse que o clube não havia escolhido o atacante, mas o atacante havia escolhido o clube.


No Manchester United (ING), Cavani recebe cerca de R$ 7,6 milhões por mês. Ele tem contrato até o final da temporada europeia, em junho.


"O máximo que pode acontecer é descobrirmos que não temos condições. Não vamos criar expectativa enganosa ao torcedor, porque pode ser que isso não avance de forma nenhuma", explicou Andrade.


A diretoria brasileira tem consciência que Gugliemone pode estar fazendo o mesmo com outras agremiações da América do Sul, com aprovação do próprio Cavani, em busca de um leilão e da valorização.


Em 2020, antes de assinar contrato com a equipe inglesa, o uruguaio deu entrevista para a emissora argentina TyC Sports, falou sobre o seu amor pelo Boca Juniors e do sonho de atuar pelo clube de Buenos Aires. Quando aceitou oferta do United, programas TV argentinos o chamaram de mercenário.


Uma das prioridades do Corinthians no mercado para 2022 é a contratação de um centroavante. Cavani seria uma aquisição de impacto técnico e moral para o elenco para a disputa da Copa Libertadores, mas a diretoria tem outros nomes considerados mais viáveis. Se Talisca ficar livre no mercado, é uma possibilidade.


Diego Costa foi oferecido, mas o esforço financeiro (cerca de R$ 2 milhões mensais) também seria grande. Elkeson, atualmente no Guangzhou (CHN), é mais viável.


Enquanto garimpa atacantes, o time alvinegro também busca um zagueiro. De acordo com os dirigentes do clube, essas são as duas carências do elenco para a próxima temporada.


"Temos quatro jogadores da posição [defensor]. Então, o mais urgente é um centroavante e um zagueiro. São essas duas posições no momento", disse Roberto de Andrade.


Por enquanto, a única contratação que está encaminhada é a do volante Paulinho, que já tem um acordo apalavrado com o clube e deve ter seu retorno ao Parque São Jorge oficializado nos próximos dias.

Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade