04/04/20
32º/19ºLONDRINA
PUBLICIDADE
|
Na Justiça

Flamengo estuda processar patrocinador após rompimento de contrato

O Flamengo estuda acionar a Azeite Royal na Justiça, após a empresa ter rompido o contrato de patrocínio na última semana de forma unilateral. A informação foi publicada, inicialmente, pelo jornal "O Globo" e confirmada pela reportagem.

Alexandre Vidal / Flamengo
Alexandre Vidal / Flamengo


A Azeite Royal também tinha vínculo em vigor com Botafogo, Fluminense e Vasco, além de um acordo com o Maracanã.
O Flamengo entende que a paralisação das competições esportivas por uma força maior -neste caso, o surto de contágio do novo coronavírus- não é motivo para rescindir um contrato de patrocínio, uma vez que a união das marcas é justamente uma parceria.

Desta forma, o Flamengo analisa cobrar uma multa penal de R$ 1,2 milhão da Azeite Royal.

O vínculo entre o clube e a empresa começou em setembro do ano passado, com o logo no meio do uniforme rubro-negro. No começo desta temporada, houve uma renovação e, atualmente, a marca do Azeite Royal estava sendo estampada no calção do uniforme, rendendo R$ 3 milhões ao ano aos cofres do Flamengo.
Folhapress
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Conteúdo relacionado:
Dificuldades
Projeto para construção de Arena e CT do Santos está parado
Câncer de próstata
Aos 77 anos, morre Zoca, o irmão mais novo de Pelé
Contrato até junho
Atacante do LEC, Marcelinho relata rotina e incertezas na quarentena
Continue lendo
1700 aros
Prefeito de Nova York manda retirar aros das quadras de basquete
03/04/2020 15:03
Saiba mais
Premier League anuncia ajuda financeira a clubes pequenos e ao sistema público de saúde
03/04/2020 14:40
Desafio
Britânico corre maratona no quintal e arrecada fundos contra pandemia
03/04/2020 10:11
Melhor saída?
Diretores da liga belga sugerem fim do campeonato e anúncio de atual líder como campeão
02/04/2020 17:21
Competições
Campeonato Brasileiro de 'League of Legends' retorna em formato online
02/04/2020 17:02
Veja mais e a capa do canal