Pesquisar

Canais

Serviços

Experiente

Leandro garante que não há 'sacanagem' no Palmeiras

Agência Estado
30 out 2012 às 19:15
Publicidade
Publicidade

Aos 33 anos, o lateral-esquerdo Leandro é um dos jogadores mais experientes do elenco do Palmeiras, ficando atrás apenas de Marcos Assunção, três anos mais velho que ele. E o veterano, que já passou por muita coisa no futebol, garante que o grupo alviverde é honrado e não venderá barato o rebaixamento para a Série B.

"Posso garantir uma coisa: aqui não tem sacanagem. Essa é uma gíria do futebol, e posso garantir que não tem sacanagem. Esse grupo é comprometido, não quer cair jamais", comentou o lateral, que estreou contra o Coritiba e não saiu mais do time, colocando Juninho no banco.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


Na análise dele, os detalhes têm tirado vitórias importantes do Palmeiras. "Temos demonstrado vontade, superação, mas às vezes isso não é o ideal. É preciso um algo a mais. Às vezes, pecamos em alguns detalhes que custam a vitória. Estamos bem no jogo, mas ficamos em desvantagem e aí bate uma pressão. Soubemos controlar isso em muitos jogos e precisamos fazer isso nesses cinco jogos que faltam."

Leia mais:

Imagem de destaque
Estudo extra

Dorival usou vídeos do Flamengo, SPFC e Tite como lição de casa a jogadores

Imagem de destaque
Trâmite

Flamengo: acórdão da decisão é publicado e defesa de Gabigol espera recurso

Imagem de destaque
Audiência semanal

Daniel Alves se apresenta pela 1ª vez à Justiça após liberdade provisória

Imagem de destaque
Vitória por 3 gols

Corinthians não encanta, mas volta de amistoso com seis pontos positivos

Em entrevista ao site oficial do Palmeiras, Leandro também seguiu o discurso padrão do clube alviverde: reclamou do fatídico lance do gol de mão de Barcos contra o Inter. "Se é para questionar a bola na mão, por que não questionam o pênalti em cima do Barcos? Foi muito claro. E ninguém aqui está falando que não foi mão. Nossa reclamação é com a ordem que veio de fora. Se é assim, tem que ser geral para todos os lances, inclusive para o pênalti que o Barcos sofreu antes de colocar a mão na bola", cobrou Leandro.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade