Pesquisar

Canais

Serviços

Fratura no rosto

Lúcio se arrepende após chamar rival de covarde

LANCEPRESS
21 jul 2014 às 09:51
- Reprodução
Publicidade
Publicidade

Lúcio, do Palmeiras, reconheceu que o cruzeirense Manoel não foi maldoso no lance que lhe causou uma fratura na face neste domingo. O capitão do Verdão deixou o Pacaembu muito irritado, passou pela tomografia que constatou a lesão e publicou um texto no Instagram em que chamava o adversário de "covarde" e o acusava de acertá-lo com o cotovelo, quando na verdade houve um choque de cabeça, involuntário.

"Venho pedir desculpas ao colega cruzeirense Manoel, sobre o fato ocorrido ontem no jogo. Estava muito assustado e triste e acabei errando em chamá-lo de covarde, foi um choque normal de jogo, reconheço que errei, por isso peço desculpas. Saí tarde do hospital e não tinha visto o replay da jogada, ato falho meu! Perdão de coração e desculpe por aquele momento de ira! Boa sorte e que Deus abençoe. Duas da manhã e até agora criando coragem para dizer essas palavras para você parceiro! Perdão!!! E parabéns pela vitória", escreveu Lúcio, em suas redes sociais.

Cadastre-se em nossa newsletter

O pentacampeão não poderá enfrentar o Avaí, quarta-feira, pela terceira fase da Copa do Brasil. O Palmeiras ainda não divulgou o prazo de recuperação.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade