Pesquisar

Canais

Serviços

Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Vencedores

Palmeiras e Atlético-MG lideram premiações em 2021; veja quanto cada um lucrou

21 dez 2021 às 11:11
Continua depois da publicidade

Os clubes que conquistaram títulos em 2021 têm mais do que as taças para comemorar. As principais competições da temporada também renderam uma boa quantia em dinheiro para os times que ficaram (ou não) com o troféu. Palmeiras, campeão da Libertadores, e Atlético-MG, que faturou a tríplice coroa com o Brasileiro, Copa do Brasil e Campeonato Mineiro, lideram a lista deste ano.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


O Palmeiras lucrou alto neste ano, com um faturamento de mais de R$ 168 milhões em premiações em 2021. A quantia principal veio do tri da Libertadores, que rendeu um total de US$ 22,5 milhões ao clube (R$ 129,2 milhões na cotação atual). Além disso, o Alviverde também recebeu R$ 29,7 milhões pela terceira colocação do Campeonato Brasileiro.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Os vices na Supercopa do Brasil, Recopa Sul-Americana e Campeonato Paulista somaram quase R$ 8 milhões em premiação. Já a queda na terceira fase da Copa do Brasil rendeu em torno de R$ 1,7 milhão.


O Atlético-MG, com três títulos na temporada, também encheu os cofres. Foram R$ 145 milhões em premiações ao longo do ano -R$ 33 milhões no Brasileirão, R$ 71,15 milhões na Copa do Brasil e R$ 40,9 milhões pela campanha até a semifinal da Libertadores. O Campeonato Mineiro, também vencido pelo Atlético-MG, não premia o vencedor.


O Flamengo, com os títulos do Campeonato Carioca e Supercopa do Brasil, também figurou entre os que mais lucraram ao longo do ano. As campanhas em 2021 renderam cerca de R$ 128,4 milhões ao Rubro-Negro.

Continua depois da publicidade


O Athletico-PR, campeão da Copa Sul-Americana e vice da Copa do Brasil, fechou o ano com cerca de R$ 88 milhões -US$ 6,8 milhões (cerca de R$ 37 milhões) pelo título da Copa Sul-Americana e R$ 38,15 milhões pelo vice da Copa do Brasil, enquanto o 14º no Brasileirão rendeu R$ 12,8 milhões em prêmios.


O São Paulo, que encerrou a seca de títulos com o troféu do Campeonato Paulista, fechou o ano com quase R$ 56 milhões em premiações em 2021. Foram R$ 3,5 milhões pelo título estadual, US$ 5,55 milhões (R$ 31,7 milhões) pela campanha até as quartas de final da Libertadores, quase R$ 8 milhões na Copa do Brasil e R$ 13,7 milhões por terminar a competição no 13º lugar no Brasileirão.


Vale destacar que outros clubes, mesmo sem títulos, também receberam premiações em 2021. O Campeonato Brasileiro, por exemplo, pagou quantias milionários do campeão até o 16º colocado neste ano.

Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo